F1: Felipe Massa: ‘jogamos quatro pontos fora’

Apesar de se dizer feliz com seu desempenho na pista, o piloto brasileiro Felipe Massa não escondeu a frustração com o erro da Ferrari que acabou com suas chances de pódio no GP do Canadá. De acordo com o paulista, que foi apenas o quinto, o fato de ele ter que voltar aos boxes depois da primeira parada foi um erro que não pode voltar a acontecer.

“Era uma corrida onde eu poderia ter conseguido o segundo lugar fácil, pois antes o Heidfeld estava bem atrás de mim e mais lento. Estou chateado, pois jogamos quatro pontos fora”, avaliou o quinto colocado na disputa.


“Eu fiz a parada e, quando sai, os meus engenheiros viram que não tinha entrado nenhuma gasolina no carro. Não sei o que houve, pode ser um problema na máquina de abastecimento, mas o que ocorreu é grave e não pode acontecer”, desabafou o piloto, a jornalistas brasileiros presentes no circuito de Montreal. “Por outro lado, estou feliz por ter conseguido quatro pontos em uma prova difícil com um asfalto ruim”, emendou.


Desclassificado do GP do Canadá de 2007 por ter saído dos boxes com a luz vermelha, Massa ainda aproveitou a oportunidade para cutucar o inglês Lewis Hamilton, da McLaren, que este ano também não viu o sinal e acertou em cheio a traseira do carro de Kimi Raikkonen, da Ferrari.


“Eu fui apedrejado por ter errado no ano passado. Essa é uma regra estranha, mas se tiver um carro parado na frente, você nem precisa olhar a luz”, observou o piloto, que classificou sua ultrapassagem dupla sobre Rubens Barrichello e Heikki Kovalainen como uma “excelente manobra”.


Massa ainda parabenizou Robert Kubica pela vitória. “Ele trabalhou muito e mereceu este sucesso. A BMW está muito forte, mas eu acho que estamos trabalhando na direção certa, como vimos pela nossa performance hoje”, finalizou.


Fonte: Gazeta Press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *