F1: Felipe Massa merece mais tempo, diz Jean Todt

Felipe Massa está com crédito na Ferrari. Nesta terça-feira, o diretor geral da equipe, Jean Todt, afirmou que o piloto brasileiro merece tempo para provar que é rápido apesar dos incidentes do último fim de semana – durante o GP da Austrália.

A Ferrari deixou o autódromo de Melbourne com uma conta bastante grande para pagar. Durante os treinos classificatórios, Massa sofreu um acidente, o que o colocou no 16º lugar do grid. No dia seguinte, foi prensado pelos carros da Red Bull e Williams logo na primeira curva, terminando no muro de proteção e destruindo sua Ferrari.

Todt, apesar disso, disse que não ficou desanimado com a performance do brasileiro em Melbourne. “Ele teve um trabalho difícil durante a classificação”, explicou Todt segundo a revista “Autosport”.

“Infelizmente ele perdeu o carro na última parte (do treino). Eu diria que na primeira parte, se ele quisesse, teria sido mais rápido. Na corrida, ele não pôde defender suas chances. Mas Felipe é um piloto muito talentoso, muito bom, e tenho certeza que o tempo permitirá que as pessoas entendam isso”, disse o dirigente cujo filho, Nicolas Todt, é o empresário do brasileiro.

Massa aparece na décima posição do Mundial de Pilotos, com quatro pontos. Seu companheiro, Schumacher, é o quarto, com 11 pontos, empatado com Jenson Button, da Honda. A próxima etapa da temporada acontece em San Marino, no próximo dia 23, onde a torcida ferrarista deve ser maioria.

Fonte: EFE
Foto: Reuters

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *