F1: FIA está perto de implantar “teto financeiro” na categoria

A Federação Internacional de Automobilismo (FIA) está perto de implantar um teto financeiro na Fórmula 1, que bancaria todas as equipes e restringiria seus gastos a partir da temporada de 2009.

O presidente da entidade, Max Mosley, recebeu total apoio das 11 equipes da categoria durante uma reunião na semana passada, em Paris, na França. Através de uma carta enviada a todos os chefes, o mandatário deu detalhes de como deverá ser feita a distribuição, que cobrirá praticamente todos os custos das escuderias, à exceção de motores, marketing e salários de dirigentes e pilotos.


“Logo no começo de 2009, haverá um teto para todos os gastos da Fórmula 1 que não sejam motores, pilotos, dirigentes e marketing”, confirma Mosley.


O mandatário da FIA terá uma reunião com o conselheiro técnico do órgão, Tony Purnell, e os representantes financeiros das equipes no próximo dia 31 de Janeiro, em Paris, onde deverá discutir as bases para que o teto vire regulamento em 2009 e nos próximos dois anos.


Mosley também montará um Grupo de Trabalho Financeiro para desenvolver o regulamento até junho de 2008. Caso nada aconteça até esta data, o homem-forte da entidade máxima do automobilismo avisou que deve adotar outras medidas para restringir os custos dos times, banindo até mesmo os túneis de vento se for preciso.


“Se o grupo financeiro não conseguir desenvolver um método de checagem de gastos, ou se a maioria dos times não concordarem com as propostas até junho de 2008, as medidas de redução de custos aprovadas pelo Conselho Mundial serão adotadas em 2009 por completo”, alertou o inglês.


Mas a idéia, ao que parece, é vista com bons olhos pelos chefes de equipes. O comandante da BMW Sauber, Mario Theissen, por exemplo, deu as boas-vindas às medidas, que reduzirão os gastos de seu time. “A redução de custos certamente é desejável, Sempre apoiamos isto e a idéia de um teto financeiro, à primeira vista, parece bastante atraente”, espera o alemão.


Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *