F1: GP da França deixará calendário da F-1 em 2009

Pela primeira vez desde 1955 uma temporada da Fórmula 1 não contará com nenhuma prova realizada na França. Nesta quarta-feira, a Federação de Automobilismo Francesa (FFSA) alegou dificuldades financeiras para realizar a corrida programada para 2009.

Desde que a Fórmula 1 foi fundada, apenas uma vez na história o Grande Prêmio da França não foi realizado, no ano de 1955, sendo que a próxima temporada marcará a repetição desse cenário. A etapa gaulesa, que já passou por Reims, Rouen, Le Mans, Clermont-Ferrand, Dijon e Paul Ricard, passou a ser sediada em Magny Cours em 1991.


“Por razões relacionadas à situação financeira, a Federação Francesa de Automobilismo decidiu cancelar o Grande Prêmio da França”, afirmou a entidade através de um comunicado oficial. “A FFSA gostaria de agradecer todos os clientes que presenciaram e que apoiaram este evento internacional nos últimos anos”.


Embora a continuidade do circuito de Magny Cours na F-1 tenha sido colocada em dúvida há algum tempo, devido à falta de estrutura hoteleira e de transportes oferecida pela pequena cidade, a notícia pega a todos de surpresas, já que até no calendário de 2009 divulgado pela Federação Internacional de Automobilismo constava a etapa da França, que seria realizada em 28 de junho.


Desse modo, a próxima temporada da categoria ficará restrita a apenas 17 etapas, pois o Grande Prêmio do Canadá, em Montreal, havia sido substituído pelos estreantes Emirados Árabes Unidos, que encerrarão o campeonato em Abu Dabhi.


Segundo informa a imprensa francesa, não existe a possibilidade de o país voltar a abrigar uma corrida da Fórmula 1 em Magny Cours, devido aos problemas decorrentes de sua localização. Nesse contexto, especula-se que a elite do automobilismo possa voltar às terras gaulesas em 2010 em Marne la Valée, na grande Paris, onde seria construído um novo circuito que ficaria colado à Eurodisney.


Fonte: Gazeta Press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *