F1: Grosjean e Button trocam acusações sobre acidente

O franco-suíço Romain Grosjean e o inglês Jenson Button trocaram acusações sobre a culpa no acidente que tirou ambos e Lewis Hamilton do GP da Bélgica, realizado neste domingo.

“Tive um bom começo, pulando para o 13º lugar e mantinha um bom ritmo, mas então Jenson Button me fechou na curva cinco e foi o fim para mim”, comentou o jovem piloto, que faz sua segunda corrida na Fórmula 1.

O líder do Mundial, entretanto, tem um ponto de vista bem diferente a respeito do ocorrido. “Tive uma boa largada e ganhei algumas posições nas primeiras curvas, ficando à frente de Lewis Hamilton e Rubens Barrichello. Estava na reta após a Eau Rouge, por fora de Heikki Kovalainen, mas Romain simplesmente me tocou e acertou a minha roda traseira”, contou.

Ao saber da afirmação do piloto da Renault, Button mostrou-se irritado. “Não posso acreditar que ele está me culpando, mas isso não me importa. O importante é que eu não marquei pontos”, comentou o representante da Brawn GP. “Talvez ele não tenha experiência suficiente com essas freadas ou com a temperatura dos pneus. Grosjean foi 100% culpado”, sentenciou.

Também prejudicados pelo acidente, Lewis Hamilton e Jaime Alguersuari deram razão ao inglês. “Quando Grosjean fez Jenson rodar próximo à curva cinco, todo mundo tentou evitá-los. Eu desacelerei, mas fui atingido por algum dos carros atrás de mim, que também tentava escapar”, descreveu.

“Button foi tocado por algum outro piloto e veio para a esquerda, tocando em mim. Fiquei sem direção, saí da pista e tive que abandonar”, lamentou o jovem espanhol. “Assim são as corridas, é preciso aceitar”, resignou-se.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *