GP2 Series: Giedo Van der Garde vence pela segunda vez no ano

O holandês Giedo Van der Garde, da iSport, venceu neste domingo (30/08), em Spa-Francorchamps, na Bélgica, a prova de encerramento da 8ª rodada dupla da temporada. Foi a segunda vitória do holandês no ano. O espanhol Roldán Rodríguez, da PiquetGP, foi o 2º, com o brasileiro Diego Nunes, parceiro de equipe do vencedor, conquistando o seu primeiro pódio na categoria.

Van der Garde assumiu a liderança ao superar o pole-position, o italiano Edoardo Mortara, da Arden, na primeira curva da prova. Atrás o belga Jerome D’Ambrosio, da Dams, o italiano Luca Filippi da Super Nova, e o espanhol Dani Clos, da Racing Engineering, se envolveram em um acidente, com os três abandonando. Mesmo com os carros batidos o Safety-Car não foi acionado.

O líder do campeonato, o alemão Nico Hulkenberg, da ART, abandonou com o carro parado no grid.

Uma volta depois o carro de segurança foi para a pista, após o venezuelano Pastor Maldonado, da ART, que vinha na 3ª posição, rodar e bater no muro, com o japonês Kamui Kobayashi, da Dams, rodando para evitar acertar o carro do venezuelano.

Vencedor da primeira prova da etapa, o português Álvaro Parente, da Ocean, abandonou na 2ª volta, com o motor envolvo em fumaça. Na relargada Nunes ultrapassou Mortara, indo para a 3ª posição.

O brasileiro Lucas di Grassi, da Racing Engineering, começou a perseguir Mortara. Uma volta mais tarde, ao tentar fazer a manobra de ultrapassagem, o brasileiro errou, acertando Mortara, com ambos deixando a disputa.

Van der Garde manteve a liderança no restante da prova, vencendo com três segundo de vantagem sobre Rodríguez. Nunes suportou a pressão do mexicano Sergio Perez, da Arden, para conquistar o seu primeiro podo na categoria.

O italiano David Rigon, da Trident, e o russo Vitaly Petrov, da Barwa Addax, completaram os seis que pontuam na prova curta. O terceiro brasileiro na prova, Alberto Valério, da PiquetGP, terminou em 12º.

Hulkenberg soma 83 pontos no campeonato, 27 a mais do que Petrov.

A próxima etapa acontece entre os dias 12 e 13 de setembro, em Monza, na Itália.     

Final:

1 – Giedo Van der Garde – iSport – 18 voltas em 37m54s281
2 – Roldan Rodriguez – Piquet GP – 3″102
3 – Diego Nunes – iSport – 4″998
4 – Sergio Perez – Arden – 5″292
5 – Davide Rigon – Trident – 13″809
6 – Vitaly Petrov – Barwa Addax – 17″459
7 – Karun Chandhok – Ocean – 18″800
8 – Davide Valsecchi – Barwa Addax – 20″039
9 – Michael Herck – DPR – 21″403
10 – Javier Villa – Super Nova – 22″860
11 – Kamui Kobayashi – Dams – 25″291
12 – Alberto Valerio – Piquet GP – 36″0452486e
13 – Nelson Panciatici – Durango – 48″746
14 – Ricardo Teixeira – Trident – 54″779

Volta mais rápida: Sergio Perez 1’56″731

Abandonos:

Edoardo Mortara – Arden – 4 voltas
Lucas Di Grassi – Racing Engineering – 4 voltas
Alvaro Parente – Ocean – 2 voltas
Pastor Maldonado – ART – 1 volta
Nico Hulkenberg – ART – 0 volta
Dani Clos – Racing Engineering – 0 volta
Jerome D’Ambrosio – Dams – 0 volta
Luca Filippi – Super Nova – 0 volta

Campeonato:

1.Hulkenberg 83; 2.Petrov 56; 3.Di Grassi 46; 4.Grosjean 45; 5.Maldonado 36; 6.Parente 27; 7.Filippi 24; 8.Van der Garde, Perez 22; 10.Rodriguez, D’Ambrosio 21.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *