F1: Hamilton supera algoz e se torna o mais jovem campeão da história

Lewis Carl Hamilton é o campeão mais jovem da história da Fórmula 1. Com 23 anos, 9 meses e 26 dias, o piloto britânico superou neste domingo o recorde do espanhol Fernando Alonso, vencedor do Mundial pela primeira vez em 2005, quando tinha completos 24 anos, 1 mês e 27 dias.

Antes dos dois, a façanha pertencia ao brasileiro Emerson Fittipaldi, campeão em 1972 com 25 anos, 8 meses e 29 dias. Nascido em Tewin, no condado inglês de Hertfordshire, Hamilton conquista no Brasil o título da atual temporada, mas, com atraso, o seu primeiro na principal categoria do automobilismo.


Na temporada passada, em que fez sua estréia, o piloto da McLaren esteve com o título nas mãos nas últimas duas provas, mas viu o finlandês Kimi Raikkonen, da Ferrari, se aproveitar de falhas suas para vencer ambas e, então aos 28 anos, terminar com um ponto a mais na classificação final. Não fossem as surpresas em Xangai e Interlagos, em que largara na frente do ferrarista, ele teria levado o caneco com pouco mais de 22 anos.


Em um ano em que o circuito foi marcado por equilíbrio – com sete pilotos distintos chegando ao primeiro posto do pódio -, Hamilton somou em 2008, sete pole positions, cinco vitórias, dez pódios e 98 pontos.


Em comparação, Alonso definiu o título em 2005 a duas etapas do fim da temporada somando cinco pole positions, seis vitórias, 13 pódios e 117 pontos. Com um terceiro lugar no GP do Brasil, o asturiano que corria pela Renault tirava desse modo as possibilidades de Raikkonen, seu seguidor imediato à época, de ultrapassá-lo na classificação.


Hamilton e Alonso, aliás, não tiveram boa convivência na McLaren, escuderia pela qual também correu o espanhol em 2007, antes de retornar à Renault. Com desempenho melhor que o do asturiano durante o campeonato, o britânico rivalizava, na condição de estreante, com nada menos que o bicampeão da categoria, que conseguiu igualar a pontuação na última prova e, por pouco, não levou o terceiro título consecutivo.


Fonte:  Terra


Foto: Sérgio Sanderson

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *