F1: Kubica esnoba BMW e diz ser mais feliz na Renault

Sétimo colocado no Mundial 2010 da Fórmula 1, Robert Kubica faz sua primeira temporada na Renault e somente uma combinação de fatores extremamente improvável o deixaria em condições de brigar pelo título do campeonato. Ainda assim, o polonês garante estar mais satisfeito em seu novo time do que nos tempos de BMW Sauber, onde chegou a ter carro para desafiar Ferrari e McLaren.

“Não é segredo que, às vezes, no passado eu não me senti tão valorizado quanto gostaria”, comentou o piloto, em entrevista à Autosprint. “Acho que o sentimento ao redor de você, a fé das pessoas com as quais se trabalha é importante em qualquer atividade. Hoje eu sinto que a equipe tem confiança em mim”, confessou.

Kubica diz que está trabalhando mais que antes, mas não se importa. “Eu me divirto mais, embora este não seja o carro dos sonhos”, destacou o piloto, que também fez uma análise do impacto do fim do reabastecimento na Fórmula 1. “Agora, os pilotos são obrigados a gerenciar a corrida e não apenas empurrar o carro até o fim da prova. Até 2009, as provas eram como três trechos em ritmo de classificação”, disparou.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *