F1: McLaren culpa detritos por acidente de Kovalainen

O problema no pneu dianteiro esquerdo que causou o acidente do finlandês Heikki Kovalainen, da McLaren, no Grande Prêmio da Espanha, foi causado provavelmente por detritos na pista, segundo análise inicial da escuderia britânica.

“Foi um problema na roda, mas havia detritos talvez dentro do aro e precisamos avaliar isto. Era uma roda nova e não acreditamos que tenha sido uma falha estrutural. Pode ser que uma pedra tenha entrado nela, mas ainda não está claro”, afirmou o chefe-executivo da McLaren, Martin Whitmarsh.


No último domingo, Kovalainen passou reto na curva nove a cerca de 230km/h e foi de encontro à proteção de pneus do circuito da Catalunya. O piloto ficou preso por alguns minutos até ser retirado do carro.


Whitmarsh ainda afirmou que o finlandês teve sorte de escapar ileso do acidente. A McLaren deve contar com o companheiro do britânico Lewis Hamilton já no próximo Grande Prêmio, na Turquia.


“Ele teve sorte, porque foi uma acidente grave, mas dizer que foi um milagre já é muito forte. Quando você olha para o chassi agora é uma coisa aterrorizante”, disse o dirigente.

Fonte: Terra
Foto: AP

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *