F1: McLaren faz a dobradinha para a largada do GP da Austrália

O britânico Lewis Hamilton (McLaren) marcou neste sábado (17/03), a pole-position para o GP da Austrália, em Albert Park, etapa de abertura da temporada. Hamilton fez o tempo de 1min24s922.

O também britânico Jenson Button fecha a dobradinha da McLaren. Depois de uma passagem apagada pela categoria em 2009, o francês Romain Grosjean (Lotus) surpreendeu ao marcar o 3º tempo. O alemão Michael Schumacher (Mercedes) completa a segunda fila.

A Red Bull, que dominou os últimos dois anos, não foi bem, com seus pilotos dividindo a terceira fila. O australiano Mark Webber é o 5º, seguido pelo bi-campeão alemão Sebastian Vettel.

Nico Rosberg (Mercedes) alinha em 7º, com o venezuelano Pastor Maldonado (Williams) na 8ª posição. Após um ano de ausência, o alemão Nico Hulkenberg (Force India) completa os dez primeiros, ao lado do australiano Daniel Ricciardo (Toro Rosso).

A grande decepção do treino foi a Ferrari. O espanhol Fernando Alonso escapou da pista na Q3, o que provocou a paralisação do treino em bandeira vermelha. Ele chegou a pedir, de forma nervosa, que os fiscais empurrassem seu carro de volta a pista, sem sucesso. O bi-campeão larga em 12º. O brasileiro Felipe Massa não passou do Q2, e alinha na 16ª posição.

O brasileiro Bruno Senna (Williams) também não passou da Q2, e larga em 14º.

Outra decepção do treino foi o finlandês Kimi Raikkonen (Lotus). O campeão Mundial de F-1 de 2007, após dois anos fora, não passou da Q1, e enquanto seu parceiro Grosjean alinha na segunda fila, o Homem de Gelo larga lá atrás em 18º.

Os estreantes na F-1, os franceses Jean-Eric Vergne (Toro Rosso) e Charles Pic (Marrusia), largam, respectivamente, em 11º e 22º lugares.

Assim como no ano passado, a HRT não conseguiu tempo para alinha no grid. Os dois carros ficaram acima do limite de 107% no Q1, e a equipe teve o pedido para disputar a prova negado pelos comissários.

Grid:

1: Lewis Hamilton (ING/McLaren) – 1min24s922
2: Jenson Button (ING/McLaren) – 1min25s074
3: Romain Grosjean ( FRA/Lotus) – 1min25s302
4: Michael Schumacher (ALE/Mercedes) – 1min25s336
5: Mark Webber (AUS/Red Bull) – 1min25s651
6: Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) – 1min25s668
7: Nico Rosberg (ALE/Mercedes) – 1min25s686
8: Pastor Maldonado (VEN/Williams) – 1min25s908
9: Nico Hulkenberg (ALE/Force India) – 1min26s451
10: Daniel Ricciardo (AUS/Toro Rosso – sem tempo
11: Jean-Eric Vergne (BEL/Toro Rosso) – 1min26s429
12: Fernando Alonso (ESP/Ferrari) – 1min26s494
13: Kamui Kobayashi (JAP/Sauber) – 1min26s590
14: Bruno Senna (BRA/Williams) – 1min26s663
15: Paul di Resta (ESC/Force India) – 1min27s086
16: Felipe Massa (BRA/Ferrari) – 1min27s497
17: Kimi Raikkonen (FIN/Lotus) – 1min27s758
18: Heikki Kovalainen (FIN/Caterham) – 1min28s679
19: Vitaly Petrov (RUS/Caterham) – 1min29s018
20: Timo Glock (ALE/Marussia) – 1min30s923
21: Charles Pic (FRA/Marussia) – 1min31s670
22: Sergio Perez (MEX/Sauber) – sem tempo **
23: Pedro de la Rosa (ESP/Hispania) – 1min33s495 *
24: Narain Karthikeyan (IND/Hispania) – 1min33s643 *
** Punido com cinco posições por troca do câmbio
*Não disputam a prova. Acima do limite de 107% na Q1.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *