F1: Na Nascar por diversão, Nelsinho ainda quer se provar na F-1

Com a confirmação de que testará na próxima segunda-feira uma pick-up da Nascar, o futuro de Nelsinho Piquet pareceu mais longe da Fórmula 1. Embora admita a vontade de experimentar o maior número de categorias possível, o brasileiro enxerga mais essas provas como uma diversão, pois não relaxará até que prove capacidade no campeonato que consagrou seu pai.

Na última terça, Nelsinho anunciou ter um teste marcado com a pick-up Toyota Tundra da equipe Red Horse, que compete na divisão Truck Series da Nascar. Questionado um dia depois pela revista Autosport sobre os motivos dessa novidade, o piloto falou sobre “um mundo diferente” que quer “explorar”.

“Na Nascar há sempre muita luta e ultrapassagens, e de um certo modo é ate mais empolgante que a F-1, em que você pode ficar uma hora e meia atrás de um carro”, avaliou ele, acreditando ainda que o teste o ajudará a deixar o polêmico Grande Prêmio de Cingapura de 2008 para trás.

Apesar dos comentários positivos quanto ao automobilismo norte-americano – já havia admitido que poderia competir também na IndyCar Series até a “poeira baixar” -, o filho de Nelson Piquet não tira a Fórmula 1 de sua mente. Nesse contexto, ele admite as dificuldades para retornar à categoria, mas assinala que uma vaga até para 2010 é possível.

“Estou conversando com alguns times que têm vagas abertas e com os novos”, apontou, em referência aos estreantes do Mundial: Manor, Campos, USF1 e Lótus. “Se me derem uma chance, darei 100%. Não posso ignorar oportunidades como esta da Nascar, mas não descansarei até me provar na F-1”.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *