F1: ‘Não tenho nada a perder’, diz piloto Felipe Massa

A sete pontos do líder Lewis Hamilton no Mundial, Felipe Massa tenta jogar a pressão para o rival antes do Grande Prêmio do Brasil, o último da temporada. No próximo domingo, o piloto da Ferrari quer esquecer a situação da disputa e se preocupar apenas em vencer.

“Sim, é verdade que tenho uma tarefa mais dura do que Lewis em termos de pontos, mas meu objetivo para este final de semana é muito mais direto que o dele”, declarou o brasileiro. Massa promete pensar na situação do Mundial apenas depois da prova.


“Só tenho que focar em vencer a corrida no domingo, se possível com meu companheiro em segundo. A única coisa que penso é na vitória. Depois disso, o problema não está nas minhas mãos. Vamos precisar esperar e ver exatamente o que e quanto nós vencemos”, disse Massa.


Antes mesmo de ouvir Hamilton jogar a pressão em seu colo, o brasileiro da Ferrari tratou de se eximir. “Com certeza, Lewis vai tentar e colocar a pressão em mim, mas eu tenho zero pressão, porque não tenho nada a perder”, analisou.


A performance da Ferrari em Interlagos no ano passado, quando Hamilton perdeu o título para Raikkonen, deixa Massa confiante. “Tenho meu pessoal atrás de mim e toda a pressão estará com ele, especialmente se você pensar no que aconteceu na corrida do ano passado. Não posso esperar pela prova”.


A escuderia italiana venceu a corrida em Interlagos nos dois últimos anos. Em 2006, Massa ganhou a prova. No ano passado, foi a vez do finlandês Kimi Raikkonen chegar na primeira colocação e garantir o título mundial.


“É impossível prever o que vai acontecer no Grande Prêmio do Brasil, mas eu acho que nosso carro sempre tem sido muito bom nesse circuito, embora eu não saiba exatamente o motivo”, explicou Massa. “Sempre fomos bem aqui e espero que seja o caso de domingo, independente das condições da pista”.


O brasileiro não teve pudores de afirmar que conta com a colaboração do companheiro Kimi Raikkonen para conquistar o título. “É uma equipe e nós temos que fazer o que é melhor para a equipe”, afirmou. “Todos os pilotos têm contrato com suas equipes, então você não compete individualmente”.


Fonte: Terra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *