F1: Schumacher vence em casa

O alemão Michael Schumacher, da Ferrari, venceu o GP de San Marino, no autódromo que leva o nome de Enzo e Dino Ferrari. Foi uma vitória como a muito não se via, como heptacampeão largando da pole e dominando a corrida. O espanhol Fernando Alonso, da Renault, foi o 2º e ficou por trinta voltas na cola de Schumacher, sem conseguir em nenhum momento ameaçar o alemão. O colombiano Juan Pablo Montoya, da McLaren, fechou o pódio.


Na largada Schumacher manteve a ponta, seguido pelo inglês Jenson Button, da Honda, o brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, Alonso e o brasileiro Rubens Barrichello, da Honda. O japones Yuji ide, da Super-Aguri, na ânsia de conquistar uma posição, tocou no meio do MF1 de Christijan Albers. O holandês capotou varias vezes parando de cabeça para baixo. Saiu do carro andando. Ide foi aos boxes, à equipe arrumou o carro, e ele voltou nove voltas depois para tentar ganhar experiência, abandonando na 33º volta .

Barrichello foi o primeiro a parar nos pits para troca de pneus e reabastecimento na 14º volta. Mas demorou demais e perdeu qualquer chance de pontuar, caindo mais de dez posições. Michael Schumacher parou na 20º volta. Alonso cinco depois.

Alonso começou então a diminuir a diferença e na 34º volta colou no carro da Ferrari. Quatro antes Button quase levou a mangueira de combustível para a pista no seu pit stop. Ele acelerou para voltar à pista, mas a mangueira ainda estava conectada no tanque de combustível. Com isso os dois carros da Honda, que largaram tão bem, estavam fora da disputa por boas colocações. 

A corrida então se resumiu a Alonso atrás de Schumacher sem conseguir em momento algum realmente ameaçar a vitória de Schumacher. Alonso parou antes de Schumacher para um novo reabastecimento, na 41º volta, voltando à pista do mesmo jeito, atrás do alemão.

Schumacher venceu depois de 62 voltas e 1h31m06s486. Com o 2º Alonso soma agora 36 pontos, de 40 possíveis. Montoya foi o 3º e Massa o 4º. Barrichello cruzou em 10º.


Confira a classifição da prova:


 





















































































































































Pos


Piloto


Equipe


Voltas


Diferença


1

Michael SchumacherFerrari

62

 

2

Fernando AlonsoRenault

62

+2.0 s

3

Juan Pablo MontoyaMcLaren-Mercedes

62

+15.8 s

4

Felipe MassaFerrari

62

+17.0 s

5

Kimi RäikkönenMcLaren-Mercedes

62

+17.5 s

6

Mark WebberWilliams-Cosworth

62

+37.7 s
7Jenson ButtonHonda

62

+39.6 s

8

Giancarlo FisichellaRenault

62

+40.2 s

9

Ralf SchumacherToyota

62

+45.5 s

10

Rubens BarrichelloHonda

62

+77.8 s

11

Nico RosbergWilliams-Cosworth

62

+79.6 s

12

Jacques VilleneuveSauber-BMW

62

+82.3 s

13

Nick HeidfeldSauber-BMW

61

+1 volta

14

Vitantonio LiuzziSTR-Cosworth

61

+1 volta

15

Scott SpeedSTR-Cosworth

61

+1 volta

16

Tiago MonteiroMF1-Toyota

60

+2 voltas

Ret

David CoulthardRBR-Ferrari

47

+15 voltas

Ret

Takuma SatoSuper Aguri-Honda

44

+18 voltas

Ret

Christian KlienRBR-Ferrari

40

+22 voltas

Ret

Yuji IdeSuper Aguri-Honda

33

+39 voltas

Ret

Jarno TrulliToyota

5

+57 voltas

Ret

Christijan AlbersMF1-Toyota

0

Acidente


Foto: F1.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *