F1: Sebastian Vettel marca a pole em Mônaco. Sergio Pérez bate forte

O alemão Sebastian Vettel (Red Bull) marcou neste sábado (28/05), a pole-position para o GP de Mônaco, em Monte Carlo, 6ª etapa da temporada. Foi a 5ª pole de Vettel no ano, e sexta da Red Bull. No Q3 o atual campeão fez o tempo de 1m13s556.

O britânico Jenson Button (McLaren) completa a primeira fila. O australiano Mark Webber (Red Bull) abre a segunda fila, seguido pelo espanhol Fernando Alonso (Ferrari). O alemão Michael Schumacher (Mercedes) sai em 5º com o brasileiro Felipe Massa (Ferrari) na 6ª posição.

O alemão Nico Rosberg (Williams) e o venezuelano Pastor Maldonado (Williams) formam a quarta fila. O britânico Lewis Hamilton (McLaren) tinha feito o 7º tempo, contudo foi punido e perdeu o seu tempo da sua melhor volta na Q3. Ele alinha em 9º.

O mexicano Sergio Pérez (Sauber) protagonizou o acidente mais forte, até aqui, na temporada. Nos minutos finais da Q3 o novato perdeu o controle de seu carro na saída do túnel, batendo no guard-rail. Sem controle o Sauber foi direto, batendo com força na barreira de pneus colocada logo após a chicane.

A bandeira vermelha foi acionada e o piloto sendo retirado do carro e levado, de ambulância para o hospital. Pérez deixou o circuito consciente.  O piloto da Sauber foi submetido a exames, que detectaram apenas uma concussão e uma contusão na coxa, sendo vetado pelos médicos para disputa da prova.

Sem Pérez no grid, o russo Vitaly Petrov (Renault) passou para 10º, seguido pelo brasileiro Rubens Barrichello (Williams).

Mesmo sem ter participado do treino classificatório, a Hispania foi autorizada a largar nas duas últimas posições do grid (que seria o normal caso os pilotos tivessem marcado tempo).

Grid:

1º – Sebastian Vettel (ALE) Red Bull-Renault – 1m13s556
2º – Jenson Button (GBR) McLaren-Mercedes – 1m13s997
3º – Mark Webber (AUS) Red Bull-Renault – 1m14s019
4º – Fernando Alonso (ESP) Ferrari – 1m14s483
5º – Michael Schumacher (ALE) Mercedes – 1m14s682
6º – Felipe Massa (BRA) Ferrari – 1m14s877
7º – Nico Rosberg (ALE) Mercedes – 1m15s766
8º – Pastor Maldonado (VEN) Williams-Cosworth – 1m16s528
9º – Lewis Hamilton (GBR) McLaren-Mercedes – Sem tempo*
10º – Vitaly Petrov (RUS) Renault – 1m15s815
11º- Rubens Barrichello (BRA) Williams-Cosworth – 1m15s826
12º – Kamui Kobayashi (JAP) Sauber-Ferrari – 1m15s973
13º – Paul di Resta (GBR) Force India-Mercedes – 1m16s118
14º – Adrian Sutil (ALE) Force India-Mercedes – 1m16s121
15º – Nick Heidfeld (ALE) Renault – 1m16s214
16º – Sebastien Buemi (SUI) Toro Rosso-Ferrari – 1m16s300
17º – Heikki Kovalainen (FIN) Lotus-Renault – 1m17s343
18º – Jarno Trulli (ITA) Lotus-Renault – 1m17s381
19º – Jaime Alguersuari (ESP) Toro Rosso-Ferrari – 1m17s820
20º – Timo Glock (ALE) Marussia Virgin-Cosworth – 1m17s914
21º – Jerome d’Ambrosio (BEL) Marussia Virgin-Cosworth – 1m18s736
22º – Narain Karthikeyan (IND) Hispania-Cosworth – sem tempo
23º – Vitantonio Liuzzi (ITA) Hispania-Cosworth – sem tempo

* Lewis Hamilton foi punido e perdeu o tempo de sua volta rápida no Q3
OBS: Sergio Perez, que largaria em décimo, foi vetado para a corrida pelos médicos devido ao acidente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *