F1: Trulli visita vítimas de terremoto na Itália

Italiano mais bem colocado no Mundial 2009 da Fórmula 1, Jarno Trulli aproveitou a folga antes do GP de Mônaco para visitar as vítimas do terremoto de 6,3 graus na escala Richter que atingiu a região de Abruzzo no começo de abril.

Trulli nasceu na região, mais especificamente na cidade de Pescara, localizada a cerca de 100km do epicentro do terremoto, L’Áquila. “Fiquei chocado ao ver o tamanho da devastação. Muitos prédios foram destruídos e o efeito na vida das pessoas foi realmente terrível”, lamentou.

Trulli passou pelo pequeno vilarejo de Onna, onde ocorreram 39 mortes, além de estar em um acampamento que ainda abriga 270 pessoas, incluindo 70 crianças. O piloto, que aproveitou a oportunidade para distribuir autógrafos e tirar fotos, fez uma campanha para arrecadar dinheiro para as vítimas dentre seus amigos na Fórmula 1, juntando até o momento 23 mil euros (cerca de R$ 64 mil).

“Fez o meu melhor para ajudar e o pessoal da Fórmula 1 está sendo bastante solidário. Espero que a gente possa juntar uma boa quantia para que as pessoas retornem à sua vida normal logo. Eles estão em nossos corações”, discursou o piloto da Toyota.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *