F1: Vaticano diz que Kubica foi salvo por milagre de João Paulo II

O vaticano quer que o polonês Robert Kubica vá até Roma para falar sobre o seu acidente no GP do Canadá, onde saiu milagrosamente sem praticamente nenhum ferimento, após o seu BMW Sauber se desintegrar por completo na sessão de batidas e capotagens.

 


Segundo a Santa Sé, o piloto foi salvo por um milagre do Papa João Paulo II. Kubica teria no capacete uma imagem do Papa, falecido em 2 de abril de 2005.


Resta agora saber quando Kubica, que declarou que não sabe nada a respeito, irá fazer a visita. Ele retorna a F-1 neste final de semana, depois de ficar de fora do GP dos EUA, para a disputa do GP da França.


 


Fonte: RedeTV News

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *