F1: Vettel critica estratégia da Red Bull na Turquia

A opção da Red Bull em manter a estratégia de três paradas para Sebastian Vettel, mesmo com a perda da liderança ainda no início do GP da Turquia, irritou o jovem alemão. Nos paddocks, ele não se conformava com a decisão, que também acabou lhe fazendo perder o segundo lugar para Mark Webber.

“Não entendi porque continuamos com as três paradas. Acho que apenas dois pit stops seria o suficiente para assegurar o segundo lugar. Nós tentamos. Então, já sabemos da nossa próxima vez”, comentou Vettel, que admitiu ter errado na largada. “Foi um erro meu em uma corrida muito difícil”, justificou.

“Após a primeira parte da prova, estava mais ou menos claro que eu tinha pouco combustível. Fiquei surpreso com o fato de termos mantido a estratégia de três paradas, pois não fazia sentido: eu alcancei Button no meio do período entre as paradas, mas perdi muito tempo ali”, destacou, se referindo ao fato de não ter conseguido superar o inglês.

Vettel também criticou o fato de, perdida a segunda posição, a equipe ter falado para ele poupar o motor e não tentar superar o companheiro de time. “Meu engenheiro disse que Mark estava mais rápido. Mas acho que se deve perguntar o que faria em uma situação dessas. Você começa na pole, mas sua estratégia não funciona como deveria e a última coisa que quer é simplesmente guiar o carro para casa”, destacou.

Chefe da Red Bull, Christian Horner argumentou que a estratégia de três paradas não funcionou porque Vettel não conseguiu passar Button entre o primeiro e o segundo pit stop. “O tempo perdido aí foi a diferença entre o segundo e o terceiro colocado”, comentou o dirigente.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *