F1: Webber reclama após ignorar ordem da Red Bull para não atacar Vettel

O australiano Mark Webber não gostou de ouvir da equipe Red Bull que ele não deveria tentar ultrapassar seu companheiro Sebastian Vettel, nas últimas voltas do Grande Prêmio de Inglaterra de Fórmula 1, neste domingo. Mesmo após ter recebido o recado, ele atacou o alemão em busca da segunda posição da prova vencida por Fernando Alonso, mas não teve sucesso.

“É claro que eu ignorei o time porque queria pegar aquela posição. Seb estava fazendo seu melhor, eu estava fazendo meu melhor. Não ia causar um acidente com ninguém”, esbravejou Webber. “Se Fernando abandona na última volta, estaríamos lutando pela vitória”, completou.

No ano passado, após vencer em Silverstone Webber ironizou a postura da Red Bull, que havia dado uma de suas asas dianteiras a Vettel. “Nada mal para um segundo piloto”, disse na ocasião.

Neste domingo, no entanto, o australiano negou ter se sentindo o piloto número 2 da equipe após as ordens. “Faltando quatro ou cinco voltas, a equipe pediu para eu conservar aquela posição. Eu queria aqueles pontos, mas também gostaria de conquistar mais, se desse”, completou.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *