F1: Williams retira protesto contra Ferrari e Red Bull

A equipe Williams decidiu retirar o protesto contra a aerodinâmica dos carros das equipes Ferrari e Red Bull.

Caso o protesto fosse aceito, o grid de largada para a prova de abertura da temporada 2009 na Austrália ficaria em risco. Porém antes que os fiscais analizassem a questão, a equipe decidiu por retirar sua queixa.

“Após um exame detalhado a Williams decidiu retirar o protesto por julgar que não era interesse da categoria. A equipe reconhece a possibilidade de que na aérea aerodinâmica pode haver mais de uma interpretação das regras e portanto não há motivos para os protestos”, dizia o comunicado da Williams para a mídia.

Na questão técnica o GP da Austrália começou quente: os difusores das equipes BrawnGP, Williams e Toyota, a asa traseira “extremamente flexível” que colocou os dois Toyota no fim do grid, além da possibilidade de aerodinâmica fora do regulamento de Ferrari e Red Bull; os tribunais e o tapetão vai pegar fogo essa semana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *