F2: Alex Fontana e Markus Pommer vencem na Hungria

O suíço Alex Fontana e o alemão Markus Pommer foram os vencedores da 7ª etapa da temporada, disputada no circuito de Hungaroring, em Budapeste, na Hungria.

Prova 1:

No sábado (08/09), Fontana venceu a primeira prova, seguido pelo polonês Kevin Mirocha e o inglês Luciano Bacheta, líder do campeonato.

Pole-position, Mirocha alinhou sozinho na primeira fila. Com problemas mecânicos Pommer largou dos boxes.  Mirocha manteve a ponta na largada, seguido pelo suíço Matheo Tuscher e o romeno Mihai Marinescu. Na 3ª volta, Marinescu tentou superar Tuscher na primeira curva, errou a manobra e acertou o suíço, que abandonou.
   
Fontana conseguiu evitar os dois carros rodados na pista, e assumiu a segunda posição. No começo da volta seguinte, Fontana ultrapassou Mirocha.

No restante da prova, Fontana abriu vantagem sobre Mirocha, para vencer pela primeira vez. Bacheta passou quase a prova inteira se defendendo do compatriota Daniel McKenzie, garantindo o 3º lugar por 0s6 de vantagem. O suíço Christopher Zanella e o inglês Dino Zamparelli completaram os seis primeiros.

Fecharam a zona de pontos: o russo Max Snegirev, o estreante croata Richard Gonda, o búlgaro Plamen Kralev e o chinês Plamen Kralev.

Final, prova 1:

1 – Alex Fontana – 22 voltas em 36m11s949
2 – Kevin Mirocha – 2”774
3 – Luciano Bacheta – 9”111
4 – Daniel McKenzie – 9”922
5 – Christopher Zanella – 17”442
6 – Dino Zamparelli – 1’35”878
7 – Max Snegirev – 35”525
8 – Richard Gonda – 52”293
9 – Plamen Kralev – 1’02”425
10 – David Zhu – 1’17”957

Volta mais rápida: Alex Fontana 1’37”068

Abandonos:

Markus Pommer – 12 voltas
Matheo Tuscher – 3 voltas
Mihai Marinescu – 2 voltas
Axcil Jeffries – 1 volta
Hector Hurst – 0 volta

Prova 2:

Neste domingo (09/09), Pommer venceu segunda prova. Tuscher e Zamparelli completaram o pódio.   

Pole-position, Pommer venceu de ponta a ponta. Tuscher foi o 2º, seguido por Zamparelli (que assumiu o 3º lugar ao superar Mirocha na curva dois da volta inicial).
Fontana e Mirocha fizeram a melhor batalha da prova, pelo 4º lugar, com o levando vantagem. Zanella terminou em 6º, seguido por Marinescu e Bacheta. McKenzie e o zimbabuano Axcil Jefferies fecharam a zona de pontos.

Bacheta manteve a liderança do campeonato com 208,5 pontos. Tuscher é o 2º com 175, seguido por Pommer com 165.

A última etapa acontece em Monza, na Itália, entre os dias 28 e 30 de setembro.

Final, prova 2:

1 – Markus Pommer – 22 voltas em 35m53s761
2 – Matheo Tuscher – 16”227
3 – Dino Zamparelli – 18”811
4 – Kevin Mirocha – 28”927
5 – Alex Fontana – 31”243
6 – Christopher Zanella – 32”898
7 – Mihai Marinescu – 34”933
8 – Luciano Bacheta – 46”608
9 – Daniel McKenzie – 37”515
10 – Axcil Jefferies – 39”392
11 – David Zhu – 53”573
12 – Richard Gonda – 56”481
13 – Plamen Kralev – 1’00”353
14 – Hector Hurst – 1’01”019
15 – Max Snegirev – 1’04”425

Volta mais rápida: Markus Pommer 1’37”220

Campeonato:

1. Bacheta 208,5 pontos; 2. Tuscher 175; 3. Pommer 165; 4. Zanella 161; 5. Marinescu 141; 6. Mirocha 126,5; 7. Fontana 105; 8. Zamparelli 94,5; 9. McKenzie 94; 10. Hurst 27

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *