F2: Jack Clarke e Ramon Piñeiro vencem em Brands Hatch

O britânico Jack Clarke e o espanhol Ramon Piñeiro (foto) foram os vencedores da 5ª etapa da temporada, disputada em Brands Hach, na Inglaterra.

Prova 1:

No sábado (23/07), Clarke venceu pela primeira vez na categoria. Piñeiro e o alemão Tobias Hegewald completaram o pódio.

Terceiro no grid Clarke assumiu a ponta na largada, ao superar Piñeiro e Hegewald, que alinharam na primeira fila. Antes da primeira volta ser completada, um múltiplo acidente na Graham Hill Bend eliminou quatro carros, e acionou o safety-car.

Com a prova reiniciada Clarke manteve a ponta, abrindo cerca de um segundo de vantagem sobre Piñeiro. Nas voltas finais o espanhol acabou perdendo tempo, ao ficar preso atrás do búlgaro Plamen Kralev, o que permitiu Clarke abrir três segundos de vantagem.

Hegewald foi o 3º. O espanhol Miki Monras terminou em 4º, seguido pelo italiano Mirko Bortolotti e o suíço Christopher Zanella. O russo Maxim Snegirev foi o 7º, com o britânico James Cole em 8º. O indiano Armaan Ebrahim e o espanhol Josè Luis Abadin fecharam a zona de pontos.

Final, prova 1:

1 – Jack Clarke – 28 voltas em 38m27s536
2 – Ramon Pineiro – 3″137
3 – Tobias Hegewald – 10″729
4 – Miki Monras – 11″154
5 – Mirko Bortolotti – 11″930
6 – Christopher Zanella – 24″912
7 – Maxim Snegirev – 25″078
8 – James Cole – 40″075
9 – Armaan Ebrahim – 40″580
10 – Josè Luis Abadin – 1’10”258
11 – Parthiva Sureshwaren – 1’12″017
12 – Plamen Kralev – 1 volta
13 – Mikkel Mac – 1 volta
14 – Sunghak Mun – 2 voltas

Volta mais rápida: Jack Clarke 1’17”519

Abandonos:

Thiemo Storz – 8 voltas
Alex Brundle – 3 voltas
Benjamin Lariche – 0 voltas
Mihai Marinescu – 0 voltas
Kelvin Snoeks – 0 voltas
Jordan King – 0 voltas

Prova 2:

Neste domingo (24/07), Piñeiro venceu a segunda prova da etapa. Foi a sua primeira vitória na categoria. Bortolotti foi o 2º, seguido por Clarke.

Piñeiro assumiu a ponta logo na primeira curva, com uma grande ultrapassagem sobre Bortolotti, que havia saído na pole. Clarke tentou fazer o mesmo que o espanhol, com Bortolotti conseguindo manter a segunda posição. Rapidamente os três primeiros abriram vantagem sobre o restante do pelotão, encerrando as disputas entre eles.

O romeno Mihai Marinescu terminou em 4º, seguido por Hegewald. A única disputa real por pontos foi entre Ebrahim e Zanella, com o indiano chegando em 6º, com 0s440 de vantagem. O belga Benjamin Lariche, foi o 8º, seguido por Monras e o britânico Jordan King.

Bortolotti lidera o campeonato com 187 pontos. Zanella, em 2º, soma 151 pontos. Monras é o 3º com 92.

A próxima etapa acontece no Red Bull Ring, na Áustria, entre os dias 26 e 28 de agosto.

Final, prova 2:

1 – Ramon Pineiro – 28 voltas em 36m35s314
2 – Mirko Bortolotti – 1″484
3 – Jack Clarke – 3″511
4 – Mihai Marinescu – 21”605
5 – Tobias Hegewald – 25″736
6 – Armaan Ebrahim – 31″315
7 – Christopher Zanella – 31″745
8 – Benjamin Lariche – 38”710
9 – Miki Monras – 39″362
10 – Jordan King – 39”902
11 – Mikkel Mac – 43”435
12 – James Cole – 54″213
13 – Plamen Kralev – 1’02”337
14 – Parthiva Sureshwaren – 1’12″407
15 – Josè Luis Abadin – 1’14”985
16 – Sunghak Mun – 1’20”758
17 – Alex Brundle – 1 volta

Volta mais rápida: Ramon Pineiro 1’17”411

Abandonos:

Kelvin Snoeks – 19 voltas
Maxim Snegirev – 10 voltas
Thiemo Storz – 7 voltas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *