F2000 Championship Series: Victor Carbone fecha primeira temporada entre os dez primeiros

Terminou no último final de semana (15 e 16) em Mid-Ohio, nos Estados Unidos, a primeira participação do brasileiro Victor Carbone em uma temporada no automobilismo. O piloto, apoiado pela Nevoni e Gatorade, disputou a última rodada dupla da F2000 Championship Series, que teve, encerrada sua temporada, a participação de 38 pilotos.

E depois de praticamente não pontuar em pelo menos seis das 12 corridas realizadas, Carbone finalizou a competição na 10ª posição. “Estou muito contente com minha posição final, mesmo sabendo que poderia ter sido bem melhor”, pondera Carbone. “Nas duas primeiras etapas, ou quatro corridas, obtive resultados muito ruins mesmo, por problemas mecânicos ou por incidentes na pista. E em Watkins Glen, quando a corrida foi junto com a Indy, não pude correr por causa de minha idade. Não fossem esses fatos, eu poderia ter ficado entre os cinco primeiros”, relembra o piloto.

No último final de semana, em Mid-Ohio, Carbone obteve dois bons resultados na rodada de encerramento. “Começamos bem nos treinos e acertamos o carro rapidamente. Eu ‘peguei a mão’ da pista também muito rápido”, conta Carbone, que pela primeira vez corria em Mid-Ohio. Largando em 6º na primeira prova, o brasileiro finalizou em 7º e na prova seguinte recebeu a bandeirada em 4º, muito próximo do terceiro. “Foram duas boas provas e fecho uma temporada bastante positiva, pois este é meu primeiro ano competindo em ‘fórmula’, e logo contra um bom número de competidores. Foi um campeonato muito positivo para mim, o que me deixa muito animado para a próxima temporada”, avalia o piloto Nevoni/ Gatorade.

No próximo sábado (22) Victor Carbone volta ao kartismo e às pistas brasileiras. No Kartódromo Aldeia da Serra, em Barueri (SP), ele disputará mais uma etapa da Copa São Paulo Light, que dará duas vagas para a final da Seletiva Petrobras, que por sua vez ofertará a seu campeão um prêmio de R$ 100 mil. “Pretendo garantir uma destas vagas, para poder disputar a final e tentar ganhar o prêmio, que seria muito importante para minha carreira”, encerra Carbone.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *