F3 Alemã: Rafael Suzuki aposta em novidades no carro para etapa de Hockenheim

Testes da semana passada indicaram evoluções no trabalho com a equipe Performance Racing e deixam o brasileiro animado para somar mais pontos no campeonato.

O Campeonato Alemão de Fórmula 3 terá sua quarta etapa disputada a partir desta quinta-feira (04) no autódromo de Hockenheim – sede do GP da Alemanha de Fórmula 1. Único piloto brasileiro na competição, o paulista Rafael Suzuki (SVLabs) se mostra animado para a rodada, principalmente depois dos testes que realizou na pista de Oschersleben na última semana.

“Eu estava precisando andar mais com o carro, principalmente depois dos problemas que tivemos em Nurburgring. Nos testes, junto com meu engenheiro, decidi mudar radicalmente o setup do carro, partindo para uma direção que nunca tínhamos ido antes”
, contou o brasileiro, que sugeriu diversas modificações na parte mecânica e aerodinâmica do seu Dallara Fórmula 3.

“Nós sofremos com vários problemas na frente do carro em Nurburgring, então decidimos modificar a traseira para ver qual era a reação no carro todo. Acho nunca testamos tanto”
, enfatizou o piloto, que gostou do resultado dos ensaios. “Os tempos foram bastante animadores, embora não seja possível estabelecer uma relação direta com os tempos de outros pilotos. Testamos em condições diferentes, com a pista bem mais quente na semana passada”, avaliou.

Os treinos para a etapa de Hockenheim começam nesta quinta-feira e prosseguem na sexta, quando será realizada a primeira tomada de tempos do final de semana. No sábado acontece a primeira prova da rodada e o treino que define o grid para a corrida de domingo. “Hockenheim tem características diferentes de Oschersleben, mas como fizemos mais mudanças mecânicas, e não só aerodinâmicas no carro, acredito que vamos melhorar nosso desempenho”, comentou Suzuki.

Depois de quatro provas disputadas em duas etapas, o brasileiro ocupa a quinta posição na tabela de pontos da Fórmula 3 alemã – 14 pontos atrás do líder, Laurens Vanthoor. A seu favor, conta o retrospecto na pista de Hockenheim, onde Suzuki largou na pole position da etapa de 2008, quando fazia seu ano de estreia na categoria.

“É uma pista que eu gosto muito e consegui estar sempre entre os mais rápidos no ano passado. Claro que o trabalho durante o final de semana vai ser difícil, porque este ano temos muitos carros andando próximos”
, contou Suzuki. “Hockenheim tem muitos trechos de reta, mas também tem a parte do Estádio, onde o carro precisa ter um bom acerto mecânico e aerodinâmico. Não dá para sacrificar uma parte da pista em prol da outra”, concluiu.

Veja quem são os seis primeiros colocados no campeonato:

1) Laurens Vanthoor, 32 pontos
2) Rahel Frey, 31
3) Stef Dusseldorp, 24
4) Bernd Herndhofer, 21
5) Rafael Suzuki, 18
6) Markus Pommer, 10

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *