F3 Inglesa: ‘Correr em Croft foi uma experiência bastante positiva’, avalia Ernesto Otero

Piloto brasileiro teve problemas de freio na primeira corrida do fim de semana, mas se recuperou na prova seguinte em seu segundo contato com o automobilismo europeu.

O piloto carioca Ernesto Otero deu continuidade neste fim de semana a sua fase de adaptação ao automobilismo europeu, disputando a penúltima rodada dupla do Campeonato Inglês de Fórmula 3 no Autódromo de Croft. Depois de subir ao pódio em sua estréia na National Class (classe Light) da categoria, Ernesto tinha boas expectativas para as corridas do fim de semana, e após enfrentar problemas de freio na prova que abriu a programação deste domingo no circuito, obteve a quarta colocação na última corrida, mesmo sem ter conseguido extrair todo o potencial do carro.

“Tivemos alguns problemas durante o fim de semana que comprometeram meu desempenho”, lembrou Ernesto, que chegou em quinto na primeira corrida do dia. “Sofri um acidente na sexta-feira e não consegui treinar com pneus novos, o que nos prejudicou na tomada de tempos. Na primeira corrida de hoje (domingo), meu carro simplesmente não freava. Os sensores indicaram que eu estava tendo que fazer o dobro da pressão normal nos freios para conseguir parar o carro e, mesmo assim, a eficiência do freio não era a mesma”, lembrou o brasileiro, que ainda fará mais duas corridas na Inglaterra neste ano antes de decidir seu futuro na temporada de 2008.

O trabalho feito pela equipe Raikkonen Robertson nos freios do Dallara-Honda de Otero permitiu a ele melhorar em quase um segundo seus tempos na segunda prova do dia, enquanto os demais pilotos pioraram suas voltas em cerca de 0s7 em virtude das novas condições da pista. “Como estou numa fase de aprendizado, ainda sem a preocupação única com resultados, todo o trabalho feito em conjunto com a equipe no sentido de descobrir os problemas do carro representou um ótimo aprendizado para mim. Por tudo isso, posso dizer que correr em Croft foi uma experiência bastante positiva”, acrescentou Otero.

A penúltima rodada dupla da National Class da Fórmula 3 Inglesa também definiu o título de campeão da temporada em favor do mexicano Sérgio Perez, que venceu a 20ª prova do ano e foi segundo na 19ª corrida. Perez dominou praticamente toda a temporada, vencendo 12 das 18 corridas que disputou – ele estreou no campeonato na terceira etapa. O vice-campeonato ficou com o chinês Cong Fu Cheng. A próxima rodada dupla da Fórmula 3 Inglesa será realizada nos dias 29 e 30 de setembro, no Autódromo de Rockingham.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *