F3 Inglesa: Daniel Ricciardo vence uma em Silverstone e amplia liderança no campeonato

O australiano Daniel Ricciardo, da Carlin, ampliou a sua liderança no Campeonato Inglês de F-3, após a disputa da segunda rodada dupla, em Silvestone, Inglaterra, no domingo (03/05). Ricciardo venceu a segunda prova, e soma 68 pontos, 28 a mais do que o segundo colocado, o inglês Nick Tandy, da JTR.

Depois de ter a etapa de Donington Park, que seria a segunda do calendário, no dia 26 de abril, cancelada, Silvestone recebeu os 19 carros do principal campeonato de F-3 do mundo. O motivo para o cancelamento da etapa de Donington foi a suspensão das licenças de segurança do circuito.

Depois de ser confirmado na Hitech horas antes do começo dos treinos, o holandês Renger Van der Zande fez uma grande estreia na categoria, vencendo a primeira prova em Silvestone de ponta a ponta. O inglês Max Chilton, da Carlin, que largou na pole-position, terminou em 2º, apenas 0s453 atrás do holandês. O brasileiro Adriano Buzaid, da T Sport, conquistou o seu primeiro pódio na categoria.

Os outros dois brasileiros na categoria, que disputam a classe Nacional, Gabriel Dias, da T Sport, e Victor Corrêa, da Litespeed, terminaram, respectivamente, em 13º e 18º lugar. Dias foi o vencedor na classe, que conta com apenas quatro carros.

Ricciardo venceu pela terceira vez no ano, com o inglês Riki Christodoulou, da Fortec, na segunda posição, conquistando seu primeiro pódio na categoria.  Chilton, que foi novamente pole, fechou o pódio.

Ricciardo largou em 2º, assumindo a liderança na terceira volta, quando seu parceiro de equipe Chilton, teve problemas na caixa de marchas. Recuperado do problema na marcha de seu Dallara 309-Volkswagen, Chilton tentou recuperar a ponta, com os dois ponteiros andando lado a lado, até Chilton desistir, deixando a vitória para Ricciardo.

Christodoulou chegou em Chilton, na curva Abbey, e por fora, conseguiu a ultrapassagem.

Vencedor da primeira prova, Van der Zande andou em terceiro por doze voltas, até perder potencia no motor Mercedes, terminando em 12º.

Buzaid terminou em 10º, Dias, que venceu novamente na classe Nacional, o 14º, e Corrêa o 18º colocado.

Ricciardo soma 68 pontos na ponta da tabela de pontos do Cooper Tires British Formula 3 International Series. Tandy, que conquistou um 8º e um 5º lugar nas provas, é o vice com 40. Buzaid tem 23, em 7º lugar.

Pela Classe Nacional o inglês Daniel McKenzie lidera com 73 pontos. Dias é o vice com 56 e Corrêa, com 36, o 4º.

A próxima etapa acontece no circuito de Rockingham, no dia 31 de maio.

Grid, primeira prova*:

1 – Max Chilton (Dallara 309-Volkswagen) – Carlin – 1’39″798
2 – Renger Van der Zande (Dallara 309-Mercedes) – Hitech – 1’39″819
3 – Adriano Buzaid (Dallara 309-Volkswagen) – T Sport – 1’39″867
4 – Daisuke Nakajima (Dallara 309-Mercedes) – Raikkonen – 1’39″911
5 – Riki Christodoulou (Dallara 309-Mercedes) – Fortec – 1’39″929
6 – Walter Grubmuller (Dallara 309-Mercedes) – Hitech – 1’40″201
7 – Henry Arundel (Dallara 309-Volkswagen) – Carlin – 1’40″327
8 – Oliver Oakes (Dallara 309-Volkswagen) – Carlin – 1’40″376
9 – Carlos Huertas (Dallara 309-Mercedes) – Raikkonen – 1’40″424
10 – Wayne Boyd (Dallara 309-Volkswagen) – T Sport – 1’40″543
13 – Gabriel Dias (Dallara 307-Mugen) – T Sport – 1’40″974
17 – Victor Correa (SLC-Mugen) – Litespeed – 1’43″201

* 19 pilotos no grid

Final, prova 1:

1 – Renger Van der Zande (Dallara 308-Mercedes) – Hitech – 30’52″430
2 – Max Chilton (Dallara 308-Volkswagen) – Carlin – 0″453
3 – Adriano Buzaid (Dallara 308-Volkswagen) – T Sport – 1″721
4 – Riki Christodoulou (Dallara 308-Mercedes) – Fortec – 4″283
5 – Daniel Ricciardo (Dallara 308-Volkswagen) – Carlin – 4″809
6 – Daisuke Nakajima (Dallara 308-Mercedes) – Raikkonen – 6″299
7 – Walter Grubmuller (Dallara 308-Mercedes) – Hitech – 8″493
8 – Nick Tandy (Mygale M09-Mercedes) – JTR – 9″047
9 – Henry Arundel (Dallara 308-Volkswagen) – Carlin – 16″416
10 – Carlos Huertas (Dallara 308-Mercedes) – Raikkonen – 16″489
13 – Gabriel Dias (Dallara 307-Mugen) – T Sport – 33″156
18 – Victor Correa (SLC-Mugen) – Litespeed – 52″512

Grid, segunda prova*:

1 – Max Chilton (Dallara 309-Volkswagen) – Carlin – 1’39″781
2 – Daniel Ricciardo (Dallara 309-Volkswagen) – Carlin – 1’39″929
3 – Riki Christodoulou (Dallara 309-Mercedes) – Fortec – 1’39″940
4 – Renger Van der Zande (Dallara 309-Mercedes) – Hitech – 1’40″016
5 – Adriano Buzaid (Dallara 309-Volkswagen) – T Sport – 1’40″180
6 – Daisuke Nakajima (Dallara 309-Mercedes) – Raikkonen – 1’40″251
7 – Henry Arundel (Dallara 309-Volkswagen) – Carlin – 1’40″286
8 – Carlos Huertas (Dallara 309-Mercedes) – Raikkonen – 1’40″424
9 – Walter Grubmuller (Dallara 309-Mercedes) – Hitech – 1’40″468
10 – Nick Tandy (Mygale M09-Mercedes) – JTR – 1’40″517
13 – Gabriel Dias (Dallara 307-Mugen) – T Sport – 1’40″975
18 – Victor Correa (SLC-Mugen) – Litespeed – 1’43″062

* 19 pilotos no grid

Final, prova 2:

1 – Daniel Ricciardo (Dallara 308-Volkswagen) – Carlin – 30’46″091
2 – Riki Christodoulou (Dallara 308-Mercedes) – Fortec – 1″963
3 – Max Chilton (Dallara 308-Volkswagen) – Carlin – 4″755
4 – Daisuke Nakajima (Dallara 308-Mercedes) – Raikkonen – 5″046
5 – Nick Tandy (Mygale M09-Mercedes) – JTR – 13″029
6 – Henry Arundel (Dallara 308-Volkswagen) – Carlin – 22″007
7 – Walter Grubmuller (Dallara 308-Mercedes) – Hitech – 23″770
8 – Carlos Huertas (Dallara 308-Mercedes) – Raikkonen – 25″434
9 – Oliver Oakes (Dallara 308-Volkswagen) – Carlin – 26″781
10 – Adriano Buzaid (Dallara 308-Volkswagen) – T Sport – 27″439
14 – Gabriel Dias (Dallara 307-Mugen) – T Sport – 32″553
18 – Victor Correa (SLC-Mugen) – 52″572

Campeonato:

1.Ricciardo 68; 2.Tandy 40; 3.Christodoulou 39; 4.Chilton 37; 5.Grubmuller 36.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *