F3 Italiana: Ex-piloto da Ferrari é o novo consultor de Victor Guerin

Nicola Larini reforça preparação de brasileiro para segunda fase do Italiano de Fórmula 3

O italiano Nicola Larini, que correu pela Ferrari na década de 90 e ainda disputa provas de resistência embora tenha anunciado o fim da carreira em 2009 no Mundial de Carros de Turismo, é o novo consultor técnico do brasileiro Victor Guerin. A parceria será oficialmente inaugurada neste fim de semana em Adria, onde o piloto da Lucidi Motors disputará a quinta rodada dupla do Campeonato Italiano de Fórmula 3. Com 25 pontos, o paulista patrocinado pelo energético Flash Power ocupa a 11ª colocação na classificação geral.

A contratação de Larini, cujo melhor resultado em 97 provas na Fórmula 1 foi o segundo lugar no GP de San Marino de 1994, marcado pelas trágicas mortes de Ayrton Senna e Roland Ratzenberger, foi uma indicação do dr. Ricardo Cecarelli, médico que mantém uma clínica de preparação e reabilitação física em Viareggio e vem trabalhando na recuperação do polonês Robert Kubica. “Frequento a academia dele e ele me sugeriu o nome do Larini. Foi muito conveniente porque também moramos em Viareggio, a cinco minutos um do outro”, explicou Guerin.

Larini nunca havia exercido a função de “coach”, mas aceitou o desafio de explorar o potencial de desenvolvimento do jovem de apenas 19 anos. “Ele vai me ajudar bastante, porque tem muita experiência, sabe o que um piloto precisa tanto dentro quanto fora das pistas. Ainda não me viu correr na Fórmula 3, mas um dia destes fui andar de kart para ele dar uma olhada. Larini achou até que meu estilo, agressivo, é parecido com o dele”.

Guerin está mais confiante do que nunca para a abertura da segunda metade do campeonato. “Acho que estou entrando em uma nova fase na minha carreira. Também mudei meu preparador físico e estou me sentindo mais revigorado em todos os sentidos, inclusive na parte mental. Estou mais forte, perdi 4,5 quilos de gordura, e até meu corte de cabelo agora é outro. Venho de um ótimo resultado no treino classificatório em Spa-Francorchamps, onde o 5º lugar na primeira prova foi meu melhor resultado em dois anos na Europa, e agora que cheguei ao pelotão da frente qualquer pelinho faz diferença”, lembrou Guerin, que correu na Fórmula Abarth em 2010.

Os organizadores da categoria modificaram a programação da 9ª e 10ª etapas para que as atividades de pista sejam concentradas no sábado (treinos livres e tomada classificatória) e no domingo (duas corridas), o que está sendo entendido como uma nova tentativa de redução de custos. Apesar de as equipes só terem sido informadas da alteração nos últimos dias, Guerin gostou da novidade. “Acho melhor fazer os dois treinos antes do que entrar direto na classificação no sábado de manhã, como vinha acontecendo até agora.” O líder do campeonato é o italiano Sergio Campana (BVM) com 75 pontos, seguido do norte-americano Michael Lewis (Prema Powerteam), com 70, e do francês Maxime Jousse (BVM), com 64.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *