F3 Sulamericana: Após testes na Europa, Leonardo Cordeiro volta para a etapa de Curitiba

Após um período de três semanas, em contatos e testes na Europa visando a temporada 2009, Leonardo Cordeiro volta a competir no Sul-Americano de F-3, na penúltima rodada dupla do campeonato, no próximo fim de semana, em Curitiba.

Sem a chance de ser campeão, o representante de São José dos Campos espera por uma disputa menos tensa do que as demais. “Chegou a hora de me divertir. Brigar pela vitória sem o medo de errar e sem a pressão que o Nelson Merlo e o Pedro Enrique, os dois principais candidatos ao título, devem estar sentindo”, imagina o mais jovem piloto da categoria. Será a segunda vez na temporada que a categoria vai correr no autódromo Raul Boesel. Na abertura da temporada, Leonardo cruzou a linha de chegada em segundo. “Desta vez, espero subir mais um degrau no pódio”, desejou o piloto que retornou da viagem ao Velho Continente, no último fim de semana.

Durante os 21 dias em que esteve na Europa, Leonardo aproveitou para aprofundar contatos de olho na próxima temporada. “Conheci equipes, gente interessante e fiz testes. Depois da viagem aos Estados Unidos, ampliei meu leque de opções. Tenho as minhas preferências, mas nada está definido, porque vai depender do patrocínio que eu conseguir aqui no Brasil”, explicou o piloto do time Minoica/Global Logistic/Lecor//Valeparaibano.

Na Inglaterra, Leonardo participou de seus primeiros testes na Europa. Aproveitando que a Cesário Fórmula, sua equipe no Sul-Americano, pretende ingressar no Inglês de F-3, o jovem piloto testou o Dallara 2009, semelhante ao modelo que será adotado neste continente na próxima temporada. “No início, foi difícil achar o limite do carro, porque as possibilidades de acerto são maiores do que as proporcionadas pelo modelo 2001, que utilizamos aqui. Mas gostei muito. Como os organizadores do Sul-Americano pretendem trazer o novo modelo, quem ficar por aqui vai se divertir”, explicou Leonardo.

Entre as corridas que assistiu, a que mais agradou ao piloto do Vale do Paraíba foi a final do Europeu de F-3, em Hockenhein, na Alemanha. “Foi empolgante ver uma disputa em que os 30 carros do grid andam dentro do mesmo segundo. A maior diferença entre um piloto e outro foi de 1 décimo”, recorda.  Leonardo volta à pista nesta sexta-feira, em Curitiba, para a disputa por uma vaga no grid da 15ª prova do Sul-Americano de F-3, que será realizada neste sábado, às 15h26min. A largada para 16ª corrida da temporada será no domingo, às 9h58min.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *