F3 Sulamericana: Felipe Ferreira quer dar a volta por cima em seu circuito preferido

Brasília é o próximo ponto de encontro da categoria sul-americana de revelações nos monopostos.

Depois de passar por São Paulo, Rio Grande do Sul e Paraná chegou a vez da Fórmula 3 Sul-americana desembarcar no Distrito Federal, onde realizará neste final de semana, dias 9 e 10 de junho, sua quarta rodada dupla da temporada 2007, no Autódromo Internacional Nelson Piquet, em Brasília (DF). Com uma grande competitividade na classificação geral, que tem o mineiro Clemente Faria Jr. (Cesário) na liderança com 36 pontos, há quem também planeje uma virada na disputa, como é o caso do paulista Felipe Ferreira (Bassan Motorsport), que não deu sorte no último encontro, em Curitiba (PR). “Em um campeonato tão disputado, quem deixou de marcar pontos importantes agora só pode pensar na vitória, e esta é minha situação”, declarou o representante de Webmotors, CVC, Center Cargo, Hip Telecom e Puma, nono colocado no certame, com 11 pontos.

Para tal reação na competição, Felipe Ferreira tem consigo a motivação de estar no circuito de 5.475 metros do planalto central, seu preferido entre todos no Brasil, em que já correu no ano passado pela extinta Fórmula Renault. “Para mim, este é o traçado mais seletivo da temporada. É uma pista longa, com seqüências de curvas técnicas e para os dois lados, e de superfície plana. Gostaria muito de alcançar a minha primeira vitória em Brasília, e darei meu máximo para isso”, avisou o piloto, que está apenas em sua segunda temporada no automobilismo.

Felipe conta ainda com o retrospecto da equipe a seu favor, já que na rodada brasiliense de 2006, a Bassan Motorsport obteve uma vitória com o piloto Mário Morais, que viria a conquistar o vice-campeonato sul-americano. “Nossa equipe tem um bom acerto para esta pista, e minha obrigação é manter o desempenho que o Marinho (Morais) mostrou no ano passado, mesmo sendo minha temporada de estréia”, planejou Ferreira, que tem como melhor resultado este ano uma segunda colocação, conquistada no temido circuito de Tarumã (RS).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *