F3 Sulamericana: Leonardo Cordeiro defende liderança no Uruguai

Pela primeira vez na temporada o Sul-Americano de Fórmula 3 terá uma disputa em circuito de rua. As 11ª e 12ª provas do campeonato, no próximo fim de semana, serão em Piriápolis, Uruguai.

“Estou ansioso para participar de minha primeira corrida em circuito urbano. Pistas assim exigem atenção. Qualquer descuido é fatal”, aponta Leonardo Cordeiro, líder do campeonato com 77 pontos, 24 de vantagem sobre Cláudio Cantelli, o segundo colocado.

Piriápolis é um tradicional balneário do Uruguai, ao sul de Punta del Este. O nome da cidade é uma derivação de seu fundador, Francisco Piria. Famílias do país vizinho costumam passar o verão na região. Mas, como os invernos também são rigorosos, espera-se temperaturas baixas neste início de primavera. “Assim como aconteceu em Buenos Aires, a volta boa dos pneus deverá ficar perto da oitava. Frio e pneus que demoram a esquentar são componentes importantes na hora do acerto”, indica o líder do campeonato..

A pista, com 2.600 metros, é a mais curta da temporada e, como em todo trajeto urbano, as ultrapassagens são muito difíceis. Por isso, mais do que em outras provas, é necessário uma boa posição de largada. “Partir na pole, será uma importante vantagem. Mais do que nunca, vou perseguir a nona desta temporada”, deseja o paulista do Vale do Paraíba.

Os números de Leonardo Cordeiro no campeonato impressionam não apenas pelos 24 pontos de vantagem na liderança. Em 10 provas, ele largou nove vezes na primeira fila, com oito poles – seis consecutivas – esteve no pódio em oito oportunidades, com seis vitórias, e cravou oito melhores voltas. “Mas temos que seguir focados no trabalho. Ainda restam 80 pontos para disputar e muita coisa pode acontecer”, previne.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *