F3 Sulamericana: Leonardo Cordeiro realiza temporada 2009 pela Cesário Fórmula

O Sul-Americano de F-3 abre a temporada neste fim de semana em Brasília, com provas no sábado e domingo. A categoria que representa a principal porta de acesso ao topo do automobilismo passou por importantes modificações no continente. Com programação exclusiva, ganhou uma categoria de acesso e adotou o F309, novo modelo da Dallara que iguala o Sul-Americano aos principais campeonatos da categoria no mundo.

“Sem precisar deixar o Brasil, vamos utilizar o que há de melhor”, aponta Leonardo Cordeiro, jovem promessa do automobilismo nacional que, por conta das novidades, decidiu permanecer mais uma temporada no país.

Comparado com o modelo 2001, utilizado até a temporada passada, o F309 é cerca de 15% mais eficiente, segundo os próprios técnicos da fabricante italiana. Como o trabalho de desenvolvimento foi iniciado há mais tempo pelas equipes européias, sabe-se que ele faz a curva 1 do autódromo de Valência a 220 km/h, enquanto a GP2, último degrau antes da F-1, faz a mesma curva a 200 km/h. “É um modelo com grande downforce, muito rápido em curvas de alta”, informa Leonardo, que já testou em Brasília o novo Dallara da Cesário Fórmula, a mais vitoriosa equipe da competição.

O representante do Vale do Paraíba acredita, no entanto, que os recordes do campeonato só começarão a ser batidos após um ou dois meses de treinamentos. “Estamos apenas iniciando um trabalho e conhecendo o novo carro. O antigo foi desenvolvido durante sete anos”, lembra Leonardo. Mesmo assim, o Sul-Americano deve seguir sendo considerado o mais veloz campeonato de F-3 do mundo, por conta do potente e resistente motor Berta.

Outra novidade do evento é a F-3 Light, que vai utilizar os carros da temporada passada com a potência do motor reduzida e será uma categoria de acesso à principal disputa. “Acho importante fortalecermos as competições de monoposto, que são a base do automobilismo. Todos que saem do kart querem chegar às principais categorias e não dá para alimentar este sonho indo correr em carros de Turismo”, defendeu Leonardo.

O representante do Vale do Paraíba inicia a temporada otimista não apenas por conta do novo status da categoria, mas também por causa dos resultados que obteve no fim do semestre passado. Vencedor da penúltima rodada, em Curitiba, dividiu com Denis Navarro o título de mais veloz da temporada, com cinco melhores voltas para cada um. Ele também conquistou cinco poles, uma a menos que Navarro, o que mais vezes largou na posição de honra em 2008. Leonardo venceu ainda a décima edição da Seletiva de Kart Petrobras, levando para a casa o prêmio de R$ 100 mil. Na primeira etapa de classificação da Seletiva este ano, garantiu mais uma vez a vaga entre os 12 finalistas que vão disputar, no fim da temporada, mais um prêmio de R$ 100 mil. O jovem de 19 anos também lembrou da reedição da parceria com a Cesário Fórmula. “Além dos oito títulos, é a equipe que mais venceu corridas na categoria. Estou acreditando que vamos voltar a ter bons resultados nesta temporada”, concluiu Leonardo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *