FIA F3 European: Três vencedores em Silverstone

A segunda etapa do FIA F3 European Championship, disputada em Silverstone, na Inglaterra, teve três vencedores diferentes: O britânico Harry Tincknell (Carlin), o sueco Felix Rosenqvist (Mucke) e o italiano Raffaele Marciello (Prema).

As duas primeiras provas foram disputadas no sábado (13/04). Em casa, Tincknell alinhou na pole-position, e venceu de a ponta a ponta a primeira prova. Foi a sua primeira vitória na categoria. O britânico Alex Lynn (Prema) e Rosenqvist completaram o pódio.

Líder do campeonato, Marciello foi o sexto colocado. O brasileiro Pipo Derani (Fortec) terminou na 9ª posição.

Rosenqvist venceu a segunda prova, marcada por diversos acidentes (com o Safety-Car sendo acionado duas vezes). Marciello terminou em segundo, seguido pelo alemão Lucas Auer, seu parceiro de equipe.

Após perder a liderança na primeira relargada, Rosenqvist reconquistou a ponta na 10ª volta, ao ultrapassar Tincknell. Sem ter como segurar a dupla da Prema, Tincknell caiu para quarto no final. Derani terminou na 8ª posição.

Neste domingo (14/04), Marciello venceu pela terceira vez no ano. Felix Rosenqvist e Lynn completaram o pódio.

Com pista molhada, o Safety-Car foi acionado após vários pilotos escorregarem. Na 5ª volta a prova recomeçou, com Rosenqvist em primeiro e Marciello ultrapassando Lynn.

O italiano partiu para cima do sueco, até finalmente conseguir a ultrapassagem na 15ª volta, e penúltima volta. O integrante da Ferrari Academy venceu com 1s5 de vantagem. Derani abandonou na 10ª volta.

Marcilello lidera o campeonato com 106,5 pontos. Rosenqvist é o segundo com 70, seguido por Tincknell com 63. Derani ocupa a 12ª, com 11 pontos.

A próxima etapa acontece em Hockenheim, na Alemanha, nos dias 04 e 05 de maio.

Final, prova 1, sábado 13 de abril:

1 – Harry Tincknell (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 18 voltas em 34’28″267
2 – Alex Lynn (Dallara-Mercedes) – Prema – 0″960
3 – Felix Rosenqvist (Dallara-Mercedes) – Mucke – 4″435
4 – Lucas Auer (Dallara-Mercedes) – Prema – 6″889
5 – Nicholas Latifi (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 10″276
6 – Raffaele Marciello (Dallara-Mercedes) – Prema – 10″528
7 – William Buller (Dallara-Nissan) – T Sport – 14″869
8 – Felix Serralles (Dallara-Mercedes) – Fortec – 19″915
9 – Luis Derani (Dallara-Mercedes) – Fortec – 22″555
10 – Tom Blomqvist (Dallara-Mercedes) – Eurointernational – 23″287

Final, prova 2, sábado 23 de abril:

1 – Felix Rosenqvist (Dallara-Mercedes) – Mucke – 17 voltas em 36’10”418
2 – Raffaele Marciello (Dallara-Mercedes) – Prema – 3″507
3 – Lucas Auer (Dallara-Mercedes) – Prema – 5″069
4 – Harry Tincknell (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 8″227
5 – Tom Blomqvist (Dallara-Mercedes) – Eurointernational – 8″326
6 – Alex Lynn (Dallara-Mercedes) – Prema – 9″077
7 – Joshua Hill (Dallara-Mercedes) – Fortec – 9″466
8 – Luis Derani (Dallara-Mercedes) – Fortec – 12″645
9 – William Buller (Dallara-Nissan) – T Sport – 12″289
10 – Eddie Cheever (Dallara-Mercedes) – Prema – 14″808

Final, prova 3, domingo 14 de abril:

1 – Raffaele Marciello (Dallara-Mercedes) – Prema – 16 giri 35’13″207
2 – Felix Rosenqvist (Dallara-Mercedes) – Mucke – 1″511
3 – Alex Lynn (Dallara-Mercedes) – Prema – 4″674
4 – Felix Serralles (Dallara-Mercedes) – Fortec – 5″460
5 – William Buller (Dallara-Nissan) – T Sport – 19″919
6 – Jordan King (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 20″688
7 – Lucas Auer (Dallara-Mercedes) – Prema – 21″355
8 – Joann Mardenborough (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 21″641
9 – Harry Tincknell (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 28″931
10 – Nicholas Latifi (Dallara-Volkswagen) – Carlin – 29″448
Ab –  Luis Derani (Dallara-Mercedes) – Fortec – 10 voltas

Campeonato:

1.Marciello 106,5; 2.Rosenqvist 70; 3.Tincknell 63; 4.Lynn 60,5; 5.Auer 57; 6.Wehrlein 49; 7.Buller 33; 8.Serralles 30; 9.Blomqvist 26,5; 10.King 15.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *