FNippon Japonesa: Streit realiza primeiro teste na categoria

Brasileiro ficou satisfeito com a experiência, já que a categoria está entre seus planos para a temporada que vem.


O carioca Roberto Streit, vice-campeão da Fórmula 3 Japonesa, realizou nesta terça-feira (dia 21) seu primeiro teste na Fórmula Nippon, no circuito de Suzuka (Jap). A categoria está entre uma das possibilidades do piloto para a temporada 2007.

Streit completou 78 voltas, a melhor delas em 1min45s720, pela mesma equipe em que corre atualmente, a Inging Motorsport. “Virei esse tempo com pneus velhos. Com os novos, poderia melhorar 1 segundo, mas assim que os coloquei passei a ter problemas com a embreagem, que começou a patinar”, contou o piloto, que completou na última sexta-feira (17) 23 anos de idade.

“Gostei muito do treino. O motor tem mais que o dobro de cavalos de potência que o da Fórmula 3 (550 cv contra 220 cv). Nunca havia andado em uma categoria com carros mais potentes que o Fórmula 3. Mas é um carro até mais fácil de se chegar no limite. Os freios e o motor são muito bons. Em termos de velocidade em curva, é até mais lento. Mas acho que me adaptei bem”, continuou o carioca.

“Ainda não definimos o meu futuro para 2007, mas a meta é correr na Fórmula Nippon e GT no Japão”, finalizou Streit.

Nesta segunda-feira (20), em São Paulo, o piloto foi homenageado com o Capacete de Bronze, prêmio oferecido pela revista Racing, em cerimônia realizada no teatro Alfa. Em virtude do teste, Streit não pôde estar presente. Ele participou da eleição na categoria internacional, ao lado de Nelsinho Piquet, vice-campeão da Fórmula GP2, e Bruno Senna, que disputou a temporada da Fórmula 3 Inglesa. Os dois pilotos faturaram os Capacetes de Ouro e Prata, respectivamente.

Streit completou a temporada da Fórmula 3 Japonesa com sete pódios, sendo três vitórias, e que lhe renderam o vice-campeonato em seu segundo ano na categoria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *