FRenault Européia: Lapenna disputa etapa de abertura da categoria

Duas primeiras corridas do ano serão realizadas neste fim de semana, no circuito de Zolder, na Bélgica.

Três semanas depois de ser um dos destaques da rodada dupla de abertura da Fórmula Renault Italiana, o piloto brasileiro Felipe Lapenna (Web Motors) volta às pistas para a primeira e a segunda etapas do Campeonato Europeu da categoria – reconhecido como o mais importante torneio de Fórmula Renault em todo o mundo. As provas inaugurais da temporada serão realizadas neste fim de semana (21 e 22/4) no circuito de Zolder, na Bélgica, e representam o início de um campeonato que terá outras 12 provas nos circuitos de Nurburgring (Alemanha), Hungaroring (Hungria), Donington Park (Inglaterra), Magny Cours (França) e Barcelona (Espanha).

Mesmo competindo por uma equipe considerada média, a BVM Minardi, Felipe Lapenna teve um bom início de temporada na Europa – ele foi o mais rápido nos treinos livres para a etapa de abertura do Campeonato Italiano –, e por isso mantém boas expectativas para este fim de semana. “Acredito que temos chance de pontuar e de começar o campeonato de uma forma positiva”, avaliou o piloto. “Falar em vitória ou em pódio em um grid de quase 40 carros, e com a metade dos pilotos andando no mesmo segundo, é sempre arriscado, mas estamos trabalhando com seriedade desde os primeiros treinos coletivos para começar o Campeonato Europeu de uma forma competitiva”, acrescentou.

Lapenna terá como companheiro na equipe BVM Minardi o finlandês Markus Nyemela. A temporada de 2007 da Fórmula Renault Européia tem até o momento 37 pilotos confirmados, sendo que quase um terço deles competirá pelos três principais times da categoria – o que aumenta a expectativa por um campeonato altamente competitivo.

A francesa Cram Compétition terá o argentino Ignacio Char e os italianos Daniele Zampieri e Giovanni Nava. A italiana Prema Powerteam inscreveu o holandês Henki Waldschmidt, o inglês Martin Plowman e o italiano Andrea Caldarelli. Já a espanhola Epsilon Euskadi, campeã em número de inscritos, terá sés pilotos no Campeonato Europeu. São eles os espanhóis Miquel Julià, Pablo Montilla e Jaime Alguersuari, o finlandês Mika Mäki, o neozelandês Brendon Hartley e o monegasco Stefano Coletti.

“Há pelo menos 16 pilotos com chances reais de vencer corridas neste ano e essa competitividade é o que mantém a Fórmula Renault na posição de uma das principais categorias de base do automobilismo internacional até hoje”, completou Lapenna. O piloto paulista não será o único brasileiro inscrito na competição. Pedro Nunes, que disputou a Fórmula 3 Sul-Americana no ano passado, vai correr pela SL Formula.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *