FSão Paulo: Victor Corrêa sofre com queda de rendimento e é o terceiro

A Fórmula São Paulo continua dando mostras que tem realmente a vocação de ser a categoria-escola do automobilismo brasileiro. Em três provas disputas, foram três poles positions, três vencedores e três lideres diferentes no Campeonato Paulista. Na terceira etapa, disputada na manhã de domingo (08/4) no Autódromo de Interlagos, em São Paulo, foi a vez do paulista Caio Lara (O Corsário Motel/Eclipse Hotel/Alpie Competições) vencer e assumir a liderança do certame com 41 pontos.

O mineiro Victor Corrêa (Unifenas/Flash Power/Alpie Competições), que largou da pole position, terminou em terceiro e ocupa a mesma posição na tabela de pontuação, com 35 pontos. Segundo colocado, o catarinense Allisson Paulinelli (Virtual Panorâmico/Dragão Motorsport) é o vice-líder, com 39 pontos. Líder depois da segunda corrida, o amazonense Márcio Pasaneli (Proview/Gov. Amazonas/Alfeam/Alpie Competições) foi  envolvido em um acidente e não terminou a competição, caindo para quarto na classificação, com os mesmos 27 pontos.

Largando da pole position, Victor Corrêa não conseguiu manter a vantagem e entrou na primeira curva em terceiro, atrás de Allisson Silva e Caio Lara. No entanto, logo na saída do Esse do Senna ele já aparecia em segundo, para assumir a liderança com uma ultrapassagem arrojada na freada para a curva do Pinheirinho. “Eu sabia que meu carro podia ser muito rápido no começo da corrida e, por isso, tive que ser extremamente competitivo na primeira volta, pois largue muito mal e cai para terceiro”, comentou o piloto da Unifenas/Flash Power.

A partir daí, Victor sustentou a liderança por 15 voltas, enquanto que Caio ultrapassou Allisson e assumiu a vice-liderança. Depois de estabelecer a volta mais rápida da corrida, o piloto de Guarulhos (SP) começou a diminuir a diferença para o mineiro de Alfenas, até ultrapassá-lo na freada do Esse no Senna na 16ª passagem. Neste mesmo giro Corrêa reassumiu a liderança após uma linda ultrapassagem por fora na rapidíssima curva do Lago sobre Lara. “Meu carro já estava escorregando muito e eu tinha que ser mais arrojado para tentar manter a ponta”, explicou Victor.

As duas últimas voltas foram dramáticas. Novamente na freada do Esse do Senna Caio Lara assumiu a liderança no penúltimo giro, deixando Victor Corrêa em segundo e Allisson Silva em terceiro, todos separados por menos de um segundo. Na última passagem o mineiro tentou se aproximar ainda mais do líder na saída do Esse do Senna, mas subiu na zebra e o catarinense pegou o seu vácuo na reta oposta para consumar a ultrapassagem na freada para a curva do Lago, assumindo a vice-liderança. “Ganha a corrida quem faz uma corrida com menos erros”, disse Victor, elogiando o vencedor e seu companheiro na Alpie Competições. “Eu posso ter feito uma prova muito bonita, com belas ultrapassagens, mas o carro não ajudou muito no final e eu errei em alguns momentos”, concluiu.

A quarta etapa do Campeonato Paulista de Fórmula São Paulo será realizada dia 6 de maio, novamente no Autódromo de Interlagos, em São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *