GP2 Series: Bruno Senna surpreende e faz 4º tempo na França

Brasileiro é o melhor estreante no encerramento dos testes na França.

Bruno Senna foi o grande destaque do segundo e último dia de testes da Fórmula GP2 em Paul Ricard. Treinando pela Arden International, equipe que terminou muito mal a recente temporada e somou apenas 7 pontos nas últimas 12 etapas, Bruno estabeleceu o 4º tempo entre os 24 pilotos que treinaram nesta quarta-feira no sul da França. O mais rápido foi o francês Franck Perera (Durango), que cravou a marca de 1:13.595 no período matinal. Dos demais brasileiros, Antonio Pizzonia (FMS International) foi o 7º e Xandinho Negrão (Piquet Sports) terminou em 11º.

Terceiro colocado no Campeonato Inglês de Fórmula 3, Bruno foi o mais veloz entre os estreantes e levou nítida vantagem contra os colegas de categoria, como o campeão inglês Mike Conway (DPR) e o campeão europeu Paul Di Resta (Trident). Ao final dos ensaios, Bruno não escondia o contentamento com os resultados.

“Foi muito bom. Fiquei bem próximo dos primeiros colocados, apesar de só ter andado hoje”, explicou Bruno, que não pôde treinar na véspera pela ART Grannd Prix em função da morte de um engenheiro da equipe. “Ainda dava para virar um pouquinho melhor, mas o importante é que já estou começando a tirar tudo dos pneus novos”, comemorou. “Além disso, a referência mais próxima tem sido o Mike Conway, com quem briguei elo título na Fórmula 3 inglesa. Ele treinou dois dias e ficou atrás de mim. E andou mais lento nas duas equipes onde também testei, a Arden e a DPR, pela qual havia tido minha primeira experiência na GP2 no mês passado”, lembrou.

Bruno disse que o carro da Arden é mais difícil de conduzir que o da DPR. “São equipes com filosofias diferentes. A Arden prefere trabalhar com o carro mais mole. Ele é mais veloz, mas em compensação é pior em curvas de alta velocidade e tende a gastar mais os pneus traseiros. É provável que ande ainda melhor em Jerez, onde os testes prosseguirão na semana que vem.” No circuito espanhol, Bruno treinará segunda-feira pela ART Grand Prix e no dia seguinte pela iSport.

Os melhores tempos de hoje em Paul Ricard:
1 – Franck Perera (França), Durango, 1min13s595
2 – Luca Filippi (Itália), Arden International, 1min13s827
3 – Javier Villa (Espanha), Racing Engineering, 1min13s856
4 – Bruno Senna (Brasil), Arden International, 1min13s871
5 – Jose Maria Lopez (Argentina), BNC Competición, 1min13s879
6 – Kohei Hirate (Japão), Trident Racing, 1min13s928
7 – Antonio Pizzonia (Brasil), FMS International, 1min14s053
8 – Kaziki Nakajima (Japão), DAMS, 1min14s086
9 – Nicolas Lapierre (França), DAMS, 1min14s138
10 – Borja García (Espanha), iSport, 1min14s275
11 – Xandinho Negrão (Brasil), Piquet Sports, 1min14s276
12 – Ricardo Risatti (Argentina), BCN Competición, 1min14s412
13 – Paul di Resta (Escócia), Trident Racing, 1min14s429
14 – Tomas Kostka (República Tcheca), Piquet Sports, 1min14s572
15 – Hiroki Yoshimoto (Japão), SuperNova International, 1min14s596

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *