GP2 Series: Categoria muda para correr nas ruas de Mônaco

Asa traseira do ano passado volta para garantir pressão aerodinâmica no principado.


Aposentadas pelo atual regulamento, as asas triplanas estarão de volta aos carros da Fórmula GP2 no fim de semana durante o GP de Mônaco. Nesta temporada, os aerofólios posteriores só podem conter dois planos – novidade introduzida pelos organizadores na tentativa de reduzir a pressão aerodinâmica e aumentar a competitividade da categoria.

As asas traseiras não serão a única modificação a que os pilotos terão de se adaptar a partir dos treinos livres desta quinta-feira, na abertura da programação oficial. Como o circuito é irregular, e formado por trechos em subida e descida, a altura dos carros será elevada em relação às pistas permanentes e as suspensões serão “amolecidas”, receita básica em traçados urbanos como o de Montecarlo.

Diferentemente de todas as demais, a etapa solitária de Mônaco será desdobrada em três dias – nos demais autódromos são duas corridas no mesmo período.

O líder do campeonato é o brasileiro Nelson Angelo Piquet com 39 pontos, seguido pelo inglês Lewis Hamilton com 37 pontos.

Os treinos no principado serão iniciados na quinta-feira, a partir das 5h (horário de Brasília). Na sexta-feira acontece o segundo treino livre (4h) e o treino classificatório (11h), e no sábado acontece a corrida válida pela nona etapa (11h) com duração de 45 voltas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *