GP2 Series: Xandinho faz primeiro teste para 2007

Treinos em Paul Ricard abrem pré-temporada com novos rostos.


Menos de um mês depois do encerramento do campeonato de 2006, conquistado pelo inglês Lewis Hamilton, a Fórmula GP2 abrirá os chamados “testes de inverno” com vistas à próxima temporada. Xandinho Negrão (Medley) é um dos quatro brasileiros que treinarão nesta terça e quarta-feiras em Paul Ricard, circuito francês que serviu de berço da categoria em 2005. Além dele, estarão na pista os estreantes Tuka Rocha, Alberto Valério, também pela mesma Piquet Sports de Xandinho, e Bruno Senna, pela David Price Racing.

Xandinho chegou nesta segunda-feira ao sul da França e constatou que de inverno os testes devem ter apenas o nome. “Já estamos no outono, mas a temperatura ainda continua elevada por aqui”, afirmou. Com dois anos de experiência na Fórmula GP2, o campeão sul-americano de Fórmula 3 de 2004 acredita que os ensaios serão proveitosos. “O carro continuará sendo basicamente o mesmo, apenas com uma mudança na aerodinâmica do bico que só será incorporada um pouco mais adiante. Mas sempre dá para desenvolver um pouco mais o acerto e a minha guiada”, explicou.

A Piquet Sports começará a avaliar pilotos que disputam a vaga de companheiro de equipe de Xandinho. Décimo-terceiro colocado em 2006, Xandinho deve fazer seu último ano na Fórmula GP2. “Meu projeto original sempre foi permanecer três temporadas. Neste tempo, a categoria tem correspondido à proposta de seus idealizadores, ou seja, fornecer a reposição de valores para a Fórmula 1, algo que a antecessora Fórmula 3.000 não vinha mais cumprindo. Espero ter minha chance”, ponderou.

Os treinos em Paul Ricard serão realizados nos períodos das 4 às 7 e das 9 às 12 (Brasília). Na quinta-feira, Xandinnho embarca para a República Tcheca. No final de semana, ele será o reserva do time brasileiro na segunda etapa da A1 GP. “Vou andar na sexta-feira e fazer um trabalho similar ao dos terceiros pilotos da Fórmula 1. Não conheço o traçado, mas já vi várias provas pela televisão e ele me pareceu muito bom”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *