Grand-Am: Mario Haberfeld e Adrian Fernandez ansiosos para voltar a Long Beach

A equipe Lowe’s Fernandez Racing se prepara para sua quarta corrida da temporada na Grand American Racing Series, que será disputada neste fim de semana em Long Beach, Califórnia (EUA). A prova acontece em conjunto com a abertura do campeonato da Fórmula Mundial.


O brasileiro Mario Haberfeld (Lowe’s/Liofol/Grupo Orinter) e o mexicano Adrian Fernandez estarão ao volante do Pontiac Riley número 12 na etapa de sábado (08/04) no circuito de rua que não é desconhecido dos dois pilotos. Fernandez estreou em Long Beach em 1992, quando corria na Indy Lights, e já disputou 11 provas nesta pista, a última sendo em 2003, pela Fórmula Mundial, quando terminou em segundo lugar, no ano em que Haberfeld estreava na categoria. “Long Beach é um dos melhores circuitos de rua dos Estados Unidos”, disse o brasileiro. “Corri lá duas vezes na Fórmula Mundial, em 2003 e 2004. É muito emocionante. É um grande evento, que conta com um grande público”.

Adrian também está animado para voltar a Long Beach. “Long Beach sempre foi um lugar que sinto como se fosse uma corrida em casa e me traz muitas lembranças especiais. Corri ali por muitos anos, começando na Indy Lights. Vi sua transformação, a modificação do circuito e o crescimento da cidade. Se transformou em uma corrida muito famosa. Lembro do grande apoio que tive dos fãs lá ao longo da minha carreira e será bom voltar para ver todos. O clima em torno do evento é simplesmente fantástico”.

O piloto mexicano espera uma corrida mais emocionante ao volante de um protótipo, já que sua experiência anterior em Long Beach foi em fórmulas. “Será divertido dirigir este carro em Long Beach. Deverá ser emocionante. Acho que correr lá com estes carros será mais fácil do que com os fórmulas, porque podemos forçar um pouco mais, mas garantindo que a equipe estará lá até o final”.

Sobre a pista, Mario Haberfeld destacou algumas diferenças para outros circuitos de rua. “Ele tem retas muito largas para ser de rua e isso o torna interessante. É um dos circuitos de rua onde podemos ultrapassar”, comentou, ressaltando que desta vez apenas a categoria Protótipos irá correr, ao contrário das outras etapas, que também contaram com a categoria GT. “Com apenas os Protótipos Daytona correndo lá, deverá ser uma corrida muito emocionante. Espero que tenhamos uma boa prova”.

A terceira etapa da temporada da Grand-Am, em Long Beach, acontece neste sábado, às 20h00 (horário de Brasília). Os canais a cabo Speed Channel e FX anunciam transmissão ao vivo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *