GT Brasil: Lamborghini Gallardo LP600 mostra força, mas pilotos descartam favoritismo no Velopark

Carro ficou com as três primeiras colocações nos treinos livres desta sexta-feira (11)

O desempenho do Lamborghini Gallardo LP600 nos treinos livres desta sexta-feira (11), no Velopark, trouxe uma bela preocupação para a concorrência na penúltima etapa da temporada do Itaipava GT Brasil. Foram três modelos idênticos nas três primeiras posições, com o melhor tempo nas mãos da dupla que ocupa a vice-liderança do campeonato, Xandy Negrão e Xandinho Negrão. Mesmo assim, os pilotos descartam o favoritismo, destacando principalmente os problemas enfrentados pelos líderes na tabela de classificação, Valdeno Brito Matheus Stumpf, com o Ford GT.

“Foi importante começar bem, andando na frente”, falou Xandinho Negrão. “É bom saber que estamos competitivos e embora a gente ainda não saiba o real potencial do Ford, já que eles tiveram problemas, acredito que estarão juntos conosco brigando pelas vitórias. Também não podemos deixar de lado os carros da Ferrari”, acrescenta o piloto, que divide a pilotagem do carro com o pai e tem 16 pontos de desvantagem em relação aos líderes na Itaipava GT3. “A gente tem que ganhar, porque se não for assim o campeonato vai embora. Só a vitória interessa”, concluiu Xandinho Negrão.

Eles ficaram imediatamente à frente de Bruno Garfinkel e Ricardo Maurício, que pela primeira vez contam com o kit completo, com modificações aerodinâmicas e mecânicas, do Lamborghini Gallardo LP600. “Nós estávamos na expectativa deste kit completo faz tempo, demorou um pouco, mas agora conseguimos e entramos na fase de adaptação ao carro. Precisamos conhecer melhor o que ele pode fazer, mas o Ricardinho (Maurício) já está trazendo ótimas informações. A nossa meta é estar, no mínimo, entre os cinco primeiros no fim de semana”, falou Bruno Garfinkel.

Allam Khodair e Marcelo Hahn ficaram em terceiro lugar no geral, com o tempo registrado ainda na primeira das duas sessões no Velopark. “Enquanto estivemos na pista, fomos os mais rápidos. Mas na segunda sessão de treinos o carro teve uma quebra estranha e não andamos. Foi um dia pela metade para nós. Mesmo assim, estamos muito confiantes e acho que a briga vai ficar mesmo entre esses carros, o Lamborghini com mais força, acompanhado pela Ferrari”, comentou Allam Khodair. Algo que será possível avaliar melhor neste sábado (12).

OS MELHORES TEMPOS DO DIA NO VELOPARK
1º) 9 – X.Negrão/X.Negrão (LA, SP/SP), 52.529, média de 156,11 Km/h
2º) 33 – B.Garfinkel/R.Mauricio (LA, SP/SP), 52.634
3º) 16 – M.Hahn/A.Khodair (LA, SP/SP), 52.935
4º) 19 – C.Longo/D.Serra (FE, SP/SP), 53.166
5º) 3 – R.Derani/C.Ricci (FE, SP/RS), 53.210
6º) 30 – Cleber Faria (LA, SP), 53.341
7º) 20 – Wagner Ebrahim (AU, PR), 53.391
8º) 105 – V.Faria/R.Guerra (LA, SP/SP), 53.448
9º) 22 – S.Jimenez/P.Bonifacio (MB, SP/SP), 53.483
10º) 3 – R.Derani/C.Ricci (FE, SP/RS), 53.602
11º) 5 – J.Moro/A.Coelho (FO, SP/SP), 53.681
12º) 7 – V.Brito/M.Stumpf (FO, PB/RS), 53.816
13º) 18 – Fernando Poeta (LA, RS), 53.931
14º) 16 – M.Hahn/A.Khodair (LA, SP/SP), 54.640
15º) 75 – H.Assunção/R.Kastropil (LA, SP), 55.280
16º) 46 – A.Toso/C.Kray (LA, RS/RS), 55.288
17º) 61 – F.Croce/FG Croce (CO, SP/SP), 55.436

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *