GT Brasil: Xandy Negrão e Andreas Mattheis acertam na estratégia e vencem na estreia do Audi R8 LMS

Largando com pneus para pista seca no asfalto ainda molhado, recordistas de vitórias na categoria ganharam pela primeira vez com o novo carro.

Nem eles poderiam apostar no resultado da sétima corrida da temporada do Itaipava GT Brasil, disputada neste sábado (17), no Rio de Janeiro (RJ). Xandy Negrão, parceiro de Andreas Mattheis, alinhou o estreante Audi R8 LMS na distante 12ª posição, antepenúltimo considerando apenas os carros da classe Itaipava GTBR3. Mas naquele momento já havia tomado a decisão que levaria a dupla à 15ª vitória na história da categoria, a primeira em 2010.

A estratégia ousada foi optar por largar com os pneus slick, enquanto os líderes começariam a corrida com os compostos preparados para pista molhada. Não chovia no momento da largada, mas alguns pontos da pista ainda tinham água. Quando o asfalto começou a secar, o Audi R8 LMS passou a brilhar. “Nosso carro estava muito ruim com pneus de chuva, então pensamos que seria melhor começar já com os slick”, contou Andreas Mattheis, que assumiu o carro na parte final da prova.

Foi uma decisão acertada – tanto que atrás deles chegaram duas duplas que assumiram o mesmo risco. Valdeno Brito e Matheus Stumpf, com Ford GT, terminaram em segundo e com os pontos somados seguem na liderança do campeonato. Ricardo Maurício e Bruno Garfinkel, que largariam na pole position nesta prova, foram desclassificados (carro abaixo do limite de altura) e saíram do último para o terceiro lugar.

“O objetivo foi alcançado, apesar dos problemas que tivemos com os pneus de chuva nos treinos”, disse Matheus Stumpf. “Decidimos largar de slick meia hora antes da corrida”, contou Valdeno Brito. Mesmo terminando longe dos dois primeiros colocados, a dupla que chegou em terceiro não escondia a felicidade. “Largamos em último e demoramos para chegar no pessoal. Mas deu para ver que o nosso carro é realmente mais rápido e acabar em terceiro foi um alívio”, revelou Ricardo Maurício.

De fato, o Lamborghini Gallardo LP560, modelo utilizado por eles, dominou todos os treinos. A vitória de um carro diferente chegou a ser surpreendente. Foi uma corrida bastante movimentada e cheia de alternativas, mas decidida basicamente na escolha dos pneus. Quem largou com compostos para pista seca cresceu ao longo da prova com a vantagem de parar apenas uma vez (os demais precisaram de um pit stop extra para troca de pneus).

O fim de semana da quarta etapa do Itaipava GT Brasil prossegue neste domingo (18) com mais uma corrida, a oitava do ano, que tem na pole position o piloto Cleber Faria, com um Lamborghini Gallardo LP560. Ao lado dele na primeira fila larga Marcelo Hahn, parceiro de Allam Khodair, com um modelo idêntico. A prova tem início marcado para às 13h00 e terá transmissão ao vivo e na íntegra pelo canal Terra TV e pela RedeTV!.

O RESULTADO FINAL EM JACAREPAGUÁ
1º) 9 – A.Mattheis/X.Negrão (AU, RJ/SP), 36 voltas em 51:02.059 (média de 129,80 km/h)
2º) 7 – V.Brito/M.Stumpf (FO , PB/RS), a 1.747
3º) 33 – B.Garfinkel/R.Mauricio (LA , SP/SP), a 1:07.640
4º) 8 – C.Dahruj/R.Daniel (LA , SP/SP), a 1 volta
5º) 16 – M.Hahn/A.Khodair (LA , SP/SP), a 1 volta
6º) 77 – C.Serra/J.Adibe (LA , SP/SP), a 1 volta
7º) 5 – L.Kaesemodel/A.Coelho (FO , PR/SP), a 1 volta
8º) 3 – R.Derani/C.Ricci (FE , SP/RS), a 2 voltas
9º) 30 – Cleber Faria (LA , SP), a 2 voltas
10º) 82 – M.Mello/W.Freire (GI , SP/SP), a 2 voltas
11º) 57 – S.Laganá/A.Hellmeister (FC , SP/SP), a 2 voltas
12º) 19 – C.Longo/D.Serra (LA , SP/SP), a 3 voltas
13º) 105 – Vanue Faria (LA , SP), a 3 voltas
14º) 21 – V.Rossete/F.Greco (FC , SP/SP), a 3 voltas
15º) 99 – R.Ricca/Sondermann (MA , SP/SP), a 3 voltas
16º) 17 – Marcelo Santanna (FC , SP), a 3 voltas
17º) 18 – F.Poeta/J.Santanna (FE , RS/RS), a 3 voltas
18º) 72 – C.Federico/L.Medrado (FC , SP/SP), a 4 voltas
19º) 81 – Carlos Burza (GI , SP), a 4 voltas
20º) 121 – E.Furlanetto/J.Marcelo (MA , SP/SP), a 4 voltas
21º) 75 – H.Assunção/C.Kray (MA , SP/RS), a 4 voltas
22º) 55 – Renan Guerra (MA , SP), a 5 voltas
23º) 73 – O.Federico/R.Navarro (MA , SP/SP), a 7 voltas
24º) 100 – L.Linardi/J.Campos (FE , SP/PR), a 7 voltas
25º) 51 – Otavio Mesquita (FC , SP), a 8 voltas
26º) 13 – Pedro Queirolo (VI , SP), a 20 voltas

CLASSIFICAÇÃO EXTRA-OFICIAL DO CAMPEONATO (APÓS 7 DE 16 ETAPAS)
Itaipava GTBR3
1 Matheus Stumpf/Valdeno Brito, Ford, 113 pontos
2 Claudio Dahruj/Rafael Daniel, Lamborghini, 98 pontos
3 Bruno Garfinkel/Ricardo Maurício, Lamborghini, 72
4 Marcelo Hahn/Allam Khodair, Lamborghini, 68
5 Lico Kaesemodel, Ford, 65
6 Rafael Derani/Claudio Ricci, Ferrari, 56
7 Julio Campos, Ferrari, 55
8 Daniel Serra/Chico Longo, Lamborghini, 54
8 Aluizio Coelho, Ford, 54
10 Pedro Queirolo, Dodge Viper, 48
11 João Adibe/Chico Serra, Lamborghini, 46
12 Andreas Mattheis/Xandy Negrão, Audi, 42
13 Linneu Linardi, Ferrari, 34
13 Vanue Faria, Lamborghini, 34
15 Thiago Viana/Marcos Gomes, Ferrari, 33
16 Walter Derani/Antonio Pizzonia, Ferrari, 31
17 Cleber Faria, Lamborghini, 26
18 Beto Monteiro, Porsche, 21
19 Leo Burti, Ford, 11
20 Eduardo Souza Ramos/Leandro Almeida, Ford, 10
21 Fernando Poeta, Ferrari, 9
22 Roberto Posses/Betinho Gresse, Porsche, 7
23 Fabio Carreira, Ferrari, 5
24 João Santana, Ferrari, 4
25 Marcello Sant’Anna/Leonardo Vital, Dodge Viper, 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *