GT3 Brasil: Alencar Júnior e Rafael Derani formam dupla com Ferrari

Campeão e vice do Troféu Maserati vão pilotar a Ferrari 430 GT na categoria que terá sua primeiras rodada dupla neste fim de semana.

Ferrari 430 GT, Porsche 997, Dodge Viper, Maserati GranSport Light e Lamborghini Gallardo são os modelos das máquinas que, a partir desta semana, estarão ainda mais próximos do público do automobilismo brasileiro. A previsão é de que a primeira rodada dupla do Brasil GT3 Championship, neste fim de semana em Viamão, na Grande Porto Alegre, tenha o grid formado por 14 carros, reunindo pilotos com vasta experiência em outras competições.

É este o caso da dupla da Neo Química/CRT/Linknet, que tem o goiano Alencar Júnior e o paulista Rafael Derani. Alencar, 56 anos, destaca no currículo o título conquistado em 1982 no Brasileiro de Stock Car. Em 2006, ele conquistou o título do Troféu Maserati. Rafael, 26, participou do Troféu Maserati nas três últimas temporadas. Disputou três etapas em 2004, foi terceiro no campeonato de 2005 e vice no ano passado, ficando atrás apenas de seu agora parceiro.

“É uma parceria que me anima muito. No ano passado, tive com o Alencar uma ótima disputa em outra categoria, e agora seria legal demais ser campeão ao lado dele”, considera Derani, que enaltece os predicados do novo companheiro. “É um piloto super experiente, muito rápido mesmo. A idéia é juntar a velocidade e a experiência dele com a minha velocidade e o meu gás. Acredito muito no sucesso da nossa parceria”, manifesta o piloto paulista.

Alencar não esconde o entusiasmo diante do novo desafio. “O Brasil GT3 Championship tem uma chance real de ser, em pouco tempo, a melhor categoria do automobilismo brasileiro. Os carros são espetaculares e o projeto do evento é ótimo, tem boa sustentação”, avalia o goiano, que fez testes com a Ferrari 430 GT da Neo Química/CRT/Linknet na semana passada no autódromo de Curitiba. “Foi um teste produtivo, o carro se mostrou muito rápido”, atestou.

O teste em Curitiba foi acompanhado Jorge Freitas, chefe da equipe Neo Química-Neosoro/JF Racing na Stock Car V8, que tem Alencar como consultor técnico. “Ele teve um ótimo desempenho nos treinos, fez voltas muito rápidas, eu creio que o Alencar e o Rafael têm ótimos motivos para esperar um ano de bons resultados”, avalizou. “É um novo desafio, que vai exigir muito trabalho, mas posso dizer que as condições da equipe são boas”, acrescentou Freitas.

Foto: Vanderley Soares
Legenda: Alencar Júnior teve seu teste acompanhado por Jorge Freitas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *