GT3 Brasil: Daniel Serra se diz impressionado com seu Maserati GandSport

Filho de Chico Serra e estrela da Stock V8, paulista de 23 anos treinou e avaliou seu carro: “Seremos competitivos”.

 


Filho de Chico Serra, um dos maiores nomes do automobilismo brasileiro, o piloto Daniel Serra é tido como um dos mais rápidos participantes do grid da Stock Car V8. Pole-position da etapa de abertura da temporada, em Interlagos, pilotando o carro da equipe Amir Nasr-Red Bull Racing, “Serrinha” fará sua estréia neste final de semana na GT3 Brasil Championship, nova categoria nacional que coloca na pista supercarros vindos diretamente do Campeonato Europeu da modalidade. 


Daniel Serra competirá a bordo de um Maserati GrandSport Light e terá Chico Longo como parceiro. A dupla chega embalada já que Longo venceu no domingo passado uma etapa do Trofeo Maserati, em Londrina (PR). Além disso, reforça a grande expectativa em torno desta parceria o fato de ambos terem formado dupla, neste ano, em uma prova da categoria GT2 no autódromo de Valência, na Espanha, válida pelo Campeonato Europeu. Na ocasião, Daniel Serra colocou a Ferrari 430 GT2 em segundo lugar no grid. “Apesar de termos competido na GT2, uma versão diferente dos carros do tipo Gran Turismo se compararmos com a GT3, foi interessante conhecer a categoria, foi bem legal correr lá”, afirmou Serra.


Na GT3 Brasil, que ele conciliará com a Stock Car V8 ao longo de 2007, Daniel espera lutar em igualdade de condições com os adversários. “Nosso carro é muito bom, tem uma aderência impressionante, e é muito dócil de guiar. Todos os carros da categoria são muito equilibrados, mas só vamos saber as reais condições de cada um na hora que entrarmos na pista para valer”, ponderou. 


“O carro tem um jeito leve de guiar e com muito mais grip (aderência). Os pneus Michelin da categoria são excelentes, deixam o carro ótimo nas curvas”, avaliou Serrinha. “O piloto sente mais as reações do carro, mas para fazer uma volta rápida não é fácil. Levar um carro dócil ao limite é tarefa difícil”, resumiu o piloto, que já fez dois treinos com o Maserati GrandSport Light: em Interlagos e no Autódromo de Curitiba, no Paraná. 


Por já ter experiência como parceiro de Chico Longo, Daniel aposta no entrosamento da dupla como fator de sucesso na nova categoria nacional. “Já conheço o time faz algum tempo e nos damos muito bem, estamos bastante entrosados”, afirmou o piloto de 23 anos, vice-campeão da extinta Fórmula Renault Brasileira, em 2004, e vice-campeão da Stock Car Light da temporada passada. A GT3 abre sua temporada no Brasil no próximo dia 12 de agosto, em Tarumã. Além do Maserati, entre os bólidos homologados no regulamento estão Ferrari F430, Lamborghini Gallardo, Porsche 997, Chevrolet Corvette Z06, Dodge Viper Coupé, Ascari ZW1R, Morgan Aero V8, Aston Martin DBRS9, Ford GT e Jaguar XKR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *