GT3: Brasil estréia campeonato juntamente com Inglaterra e Alemanha

O Campeonato Brasileiro de GT3 terá a primeira temporada em 2007, quanto a categoria também estréia em outros países europeus. Fabricantes estão lotados de pedidos de novos carros.

Depois do sucesso alcançado com a primeira temporada do FIA GT3 European Championship (ou Campeonato Europeu de GT3 da FIA-Federação Internacional do Automóvel), no qual uma média de 42 carros e 84 pilotos disputaram acirradamente as cinco etapas da temporada, chegou a vez da categoria se espalhar por vários países. A receita criada pela Stephane Ratel Organisation (SRO, promotora do evento) deu certo: este ano, além do torneio europeu ― que terá cinco provas em cinco diferentes países ―, serão disputados campeonatos de nível nacional na Inglaterra e Alemanha. Além disso, na Itália e na Espanha os carros GT3 correrão com os demais modelos que participam das provas de turismo locais.

A proliferação da GT3 nos mercados europeus impediu em parte que o Brasil estreasse seu campeonato mais cedo em 2007. Os vários fabricantes dos modelos homologados pela FIA (Ferrari F430, Aston Martin DBRS9, Porsche 997 GT3, Dodge Viper, Corvette Z06, Lamborghini Gallardo, Ascaro KZ1R, Jaguar XKR GT3, Morgan Aero V8 e Ford GT) foram pegos de surpresa pela onda de pedidos e dobram turnos para atender à demanda. Por isso, a previsão de inicio de temporada no Brasil – e também nos demais torneios – é para o meio do ano, já que os carros deverão estar chegando por aqui somente em abril ou maio.

No Brasil, o torneio será administrado pela SRO Latin America, associação composta pelo francês Stephane Ratel e os empresários brasileiros Walter Derani e Antonio Hermann, este último, detentor dos direitos de organização das Mil Milhas Brasileiras. A empresa funcionará nos moldes da SRO européia, que também gerencia e organiza os bem-sucedidos Campeonatos Mundiais de FIA GT1 e GT2, o Europeu de GT3 e o Inglês de Fórmula 3, entre outros.

Segundo a SRO Latin America já são 16 as duplas interessadas em participar do Campeonato Brasileiro de GT3. Pelas expectativas geradas pela preferência dos pilotos aspirantes, os modelos mais desejados até o momento pelos nossos competidores são: Ferrari, Aston Martin, Jaguar, Porsche e Lamborghini, portanto, a probabilidade que a categoria tenha início com um número carros maior que esse é grande.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *