GT3 Brasil: Xandy e Mattheis vão de Dodge Viper na decisão

Depois de um dia inteiro de testes comparativos com a Lamborghini Gallardo em Interlagos, os pilotos Xandy Negrão e Andreas Mattheis anunciaram que correrão com o Dodge Viper Coupé na rodada dupla de encerramento da primeira temporada da GT3 Brasil neste domingo em São Paulo. Com seis pontos de vantagem sobre Paulo Bonifácio e Alceu Feldmann, que também correm com a Lambo, os líderes do campeonato priorizaram a resistência sobre a velocidade.

A decisão foi tomada no final desta quinta-feira. “A Lambo apresentou um problema no motor, aparentemente no comando de válvulas de admissão. Embora o carro tenha sido mais rápido que o Dodge Viper Coupé, resolvemos não correr riscos”, explicou Mattheis. O contratempo ameaça até mesmo a participação de uma segunda dupla na Equipe Medley, já que Xandinho Negrão e Walter Salles Jr., que poderiam estrear na categoria no fechamento do calendário, ainda dependem dos reparos no motor do modelo italiano.

Na verdade, depois de uma arrancada arrasadora, as duas Lamborghini Gallardo começaram a apresentar problemas. Na recente etapa de Goiânia, o motor do carro de Xandy e Mattheis explodiu nos ensaios extras da sexta-feira e a dupla só conseguiu continuar na prova porque mandou buscar o Dodge Viper Coupé na sede em Petrópolis (RJ). Com vitória nas duas baterias, a dupla assumiu a ponta da tabela, enquanto a Lambo de Bonifácio e Feldmann ficava pelo caminho ainda na primeira (superaquecimento do motor) e sequer alinhou na segunda.

Os líderes e vice-líderes ganharam as oito etapas. Neste fim de semana, no entanto, Bonifácio e Feldmann desfizeram a parceria. Boni correrá ao lado de Luciano Burti, enquanto Feldmann ainda não informou quem será o seu novo companheiro nem que marca defenderá. Apesar da vantagem, Mattheis garantiu que a busca pela vitória será a meta do fim de semana. “Não dá para pensar em administrar o resultado por causa das características deste campeonato, como a parada para troca de pilotos e a diferenciação de status entre estes. Além disso, há um novo cenário criado com a chegada de nomes de peso, como o próprio Burti, o Giuliano Losacco e o Guto Negrão”, lembrou.

Duas sessões de treinos livres com duração de uma hora – a primeira começando às 14h40 e a segunda às 16 h – abririam a programação oficial da 9ª e 10ª etapas nesta sexta-feira. No sábado, depois dos ensaios livres das 10h55 às 11h25 e das 12h30 às 13 horas, os carros voltam à pista para duas sessões classificatórias de 20 minutos (16h05 e 16h35). Domingo, a largada da primeira prova será autorizada às 10 h; a segunda começará às 15h40, ambas com uma hora de duração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *