IndyCar: A competitividade da Fórmula Indy não permite erros, diz Tony Kanaan

Largando na primeira fila, o piloto da equipe Andretti Autosport estava muito confiante em terminar a corrida no pódio.

As expectativas de Tony Kanaan de conseguir um bom resultado diminuíram quando o piloto tocou em seu companheiro de equipe, Marco Andretti, durante uma das relargadas do GP de St. Petersburg, na Flórida, disputado nesta segunda-feira (29). “Eu não sei realmente o que aconteceu quando o Marco e eu estávamos juntos. Ele diminuiu a velocidade na minha frente e eu acabei batendo nele. Eu não sei o que causou tudo isso, mas teremos que resolver isso. E além de tudo, de uma maneira geral,nós não tivemos um dia bom como equipe toda”, comentou Tony Kanaan. Os dois pilotos da equipe Andretti Autosport tiveram que trocar o bico do carro e realizar uma parada a mais nos boxes que seus concorrentes durante a corrida.

O brasileiro terminou a prova na décima colocação, e comentou que no atual nível de competitividade da Fórmula Indy não é permitido qualquer tipo de erro. “Hoje em dia você apenas não pode se dar ao luxo de cometer qualquer erro. A categoria é muito competitiva para permitir isso”, finalizou o campeão da categoria de 2004.

Tony Kanaan já começa a se preparar para a próxima etapa que acontece no dia 11 de abril no primeiro desafio em um circuito misto do ano, o Grande Prêmio do Alabama, estreando o circuito Barber Motorsports Park no calendário de Indy.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *