IndyCar: Bruno Junqueira volta a acelerar num oval em Kansas

Depois de uma semana de pilotos e equipes divididos, todas as estrelas da Indy Racing League (IRL) voltam a acelerar em um mesmo lugar e iniciam domingo uma série de seis provas consecutivas em ovais, com destaque para as 500 Milhas de Indianápolis, no último fim de semana de maio. Para quem competia até ano passado na ChampCar e se despediu domingo da categoria nas ruas de Long Beach, trata-se do retorno a uma pista com curvas apenas para o lado esquerdo. O Kansas Speedway é o palco da quarta etapa da temporada e traz um novo desafio para o mineiro Bruno Junqueira (Brasil Telecomunicações/Telemont), que acelera pela primeira vez no traçado de 1,5 milha (2,4 q uilômetros), com desenho característico. Ao contrário de pistas como Homestead, palco da abertura do campeonato, a largada e a chegada ocorrem numa curva – na prática, a reta oposta é a única do circuito. As curvas têm inclinação que varia entre 10,4 e 15 graus e os carros completam todo o percurso de pé embaixo, na gíria do automobilismo.

Para Bruno e a equipe Dale Coyne, a expectativa é de avançar na definição de um acerto de base para o Dallara Honda nos ovais, que possa servir de ponto de partida para o trabalho em Indianápolis. O GP de Homestead mostrou que os times vindos da ChampCar ainda tinham muito a evoluir na comparação com as escuderias que já estavam na categoria, e conhecem bem o motor e o chassi desde 2003. As 300 Milhas de Kansas podem ser um passo decisivo nesse aprendizado, como explica o piloto. “Sou um dos vários pilotos que andam aqui pela primeira vez. Felizmente nunca tive problemas para me adaptar a traçados novos e o desafio é encontrar as regulagens ideais para que o carro tenha velocidade nas retas, estabilidade e equilíbrio”. O mineiro espera receber sua primeira bandeirada em um oval no ano, já que abandonou na Flórida.

O mineiro terá uma hora e 45 minutos de treinos livres para encontrar o melhor acerto. De acordo com o sorteio feito pela organização da prova, ele será o nono a entrar na pista na qualificação – para a definição das posições de largada, vale o tempo total das quatro voltas cronometradas. A pole, em 2007, ficou com outro brasileiro, Tony Kanaan, da Andretti Green. O contingente verde-amarelo, aliás, ganha mais um representante na prova, que conta com 27 inscritos e a volta do sul-africano Tomas Scheckter (Luczo Dragon Racing). O goiano Jaime Câmara substitui o francês Franck Perera na Conquest Racing.

GP DO KANSAS
IRL – quarta etapa

Programação (horários de Brasília)

Sábado (26)
10h45/12h15 – Primeiro treino livre
13h30/14h00 – Segundo treino livre (Grupo 1)
14h00/14h30 – Segundo treino livre (Grupo 2)
16h10/17h35 – Qualificação

Domingo (27)
18h00 Largada (200 voltas)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *