IndyCar: Ryan Hunter-Reay vence em Barber

O norte-americano Ryan Hunter-Reay (Andretti Autosport) venceu neste domingo, no Barber Motorsports Park, no Estado do Alabama, nos EUA, a segunda etapa da temporada. O neozelandês Scott Dixon (Ganassi) e o brasileiro Helio Castroneves (Penske) completaram o pódio.

Pole-position, Hunter-Reay liderou 53, das 90 voltas disputadas. Na 76ª volta, ele superou Castroneves, que liderava desde a 51ª volta, reassumindo a ponta em definitivo. Nas voltas finais, Castroneves perdeu rendimento, sendo ultrapassado por Dixon.

Dixon, que nas três provas anteriores em Barber terminou em segundo, foi para cima de Hunter-Reay, que controlou os ataques do neozelandês, recebendo a bandeirada com apenas 0s6363 de vantagem. Agora Dixon tem quatro segundos lugares, em quatro provas disputadas em Barber.

“Estava pilotando no limite para ficar na frente do Dixon nas voltas finais. Já Will Power fez um bom trabalho no início, ficando na minha frente, não sei como ele fez isso. Foi uma corrida muito legal e é ótimo vencer e voltar para o círculo da vitória”, celebrou o vencedor.

Castroneves, que liderou 25 voltas, completou o pódio. O norte-americano Charlie Kimball (Ganassi) conquistou o seu melhor resultado na categoria, com o quarto lugar. Ele liderou três voltas.

Único piloto a terminar a prova com apenas dois pit stops, o australiano Will Power (Penske), liderou nove voltas, terminando em quinto.

O francês Simon Pagenaud (Schmidt), o britânico Justin Wilson (Dale Coyne), o norte-americano Josef Newgarden (Sarah Fisher Racing) e o francês Tristan Vautier (Schmidt), único rookie da temporada, fecharam os dez primeiros. O brasileiro Tony Kanaan (KV Racing) foi o 13 º.

Vencedor da etapa inaugural, em São Petersburgo, o canadense James Hinchcliffe (Andretti Autosport) abandonou logo na terceira volta, após um acidente. Tetracampeão da categoria, o escocês Dario Franchitti (Ganassi) abandonou pela segunda vez consecutiva. Desta vez com problemas mecânicos em seu carro na 42ª volta.

A brasileira Bia Figueiredo (Dale Coyne) abandonou na 65ª volta, com problemas mecânicos.

A prova teve apenas uma bandeira amarela, por detritos na curva nove, entre as voltas 2 e 5.

O britânico James Jakes (RLL) fez a melhor volta da prova: 1m08s9918 (120.014 mph) na 83ª  volta.

Castroneves assumiu a liderança do campeonato com 79 pontos, nove a mais do que Dixon. Hunter-Reay é o terceiro com 66.

A próxima etapa da temporada 2013 está marcada para o día 21 de abril, nas tradicionais ruas de Long Beach.

Final:

1. Ryan Hunter-Reay (EUA/Andretti-Chevrolet), 90 voltas
2. Scott Dixon (NZL/Ganassi-Honda), a 0s6363
3. Helio Castroneves (BRA/Penske-Chevrolet), a 17s6821
4. Charlie Kimball (EUA/Ganassi-Honda), a 20s6166
5. Will Power (AUS/Penske-Chevrolet), a 26s6469
6. Simon Pagenaud (FRA/Schmidt-Honda), a 27s2995
7. Marco Andretti (EUA/Andretti-Chevrolet), a 27s7175
8. Justin Wilson (ING/Dale Coyne-Honda), a 30s5504
9. Josef Newgarden (EUA/SFH-Honda), a 41s1029
10. Tristan Vautier (FRA/Schmidt-Honda), a 50s6449
11. Alex Tagliani (CAN/BHR-Honda), a 58s0458
12. Ernesto Viso (VEN/Andretti-Chevrolet), a 1min01s4334
13. Tony Kanaan (BRA/KV-Chevrolet), a 1min01s6834
14. Takuma Sato (JAP/Foyt-Honda), a 1min03s1151
15. Oriol Servia (ESP/Panther DDR-Chevrolet), a 1min03s1495
16. Sebastien Bourdais (FRA/Dragon-Chevrolet), a 1min07s6880
17. JR Hildebrand (EUA/Panther-Chevrolet), a 1min09s7447
18. Simona de Silvestro (SUI/KV-Chevrolet), a 1min09s9130
19. AJ Allmendinger (EUA/Penske-Chevrolet), a 1min11s0558
20. Sebastian Saavedra (COL/Dragon-Chevrolet), a 1min11s6523
21. Graham Rahal (EUA/RLL-Honda), a 1min14s0385
22. Ed Carpenter (EUA/ECR-Chevrolet), a 1 volta
23. James Jakes (ING/RLL-Honda), a 4 voltas

Não completaram
Bia Figueiredo (BRA/Dale Coyne-Honda), a 25 voltas/mecânico
Dario Franchitti (ESC/Ganassi-Honda), a 48 voltas/mecânico
James Hinchcliffe (CAN/Andretti-Chevrolet), a 87 voltas/acidente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *