IndyCar: Superar Tagliani na tabela da Indy é a meta de Meira em Homestead

Após teste preparatório, piloto da A.J. Foyt Racing vê condição de voltar ao grupo dos 10 primeiros na etapa final

A temporada 2010 da Fórmula Indy chega ao fim na noite de sábado (2). O atrativo maior das 300 Milhas de Miami fica por conta do duelo entre o escocês Dario Franchitti e o australiano Will Power pelo título. Para os outros 25 pilotos que vão à pista no Miami Speedway, contudo, o resultado da etapa vale a defesa ou a busca por posições na tabela final de classificação. Os primeiros treinos da etapa vão acontecer na tarde de sexta-feira (1º).

Para 11 pilotos, o trabalho de preparação teve início na segunda-feira (27) com testes preparatórios no oval de uma milha e meia que recebe a última corrida do ano. Vitor Meira, brasileiro que compete pela A.J. Foyt Racing, foi um dos que aproveitaram o dia de pista liberada. “Foi um teste muito positivo, vimos que nosso carro está bem equilibrado, muito bom de ‘chão’. É uma corrida em que a gente tem tudo para se dar bem”, ele aposta.

Meira tem uma meta bem definida para a corrida deste sábado: assumir o 12º lugar na classificação do campeonato. Em 13º na tabela, seis pontos atrás do canadense, é o que a matemática lhe permite. “Quando o campeonato começou, a gente sabia das dificuldades que teria pela frente e mesmo assim a ideia inicial era terminar o ano entre os 10 primeiros, mas a gente não contava com problemas em quatro corridas, como tivemos”, pondera o piloto.

Tomar a posição do canadense da FAZZT Race Team implica terminar a etapa de Homestead entre os 10 primeiros colocados, na avaliação de Meira. “Não era a posição de campeonato pela qual a gente gostaria de estar brigando, mas se você olhar por outro lado vai ver que, como as etapas vêm tendo uma média de 25 carros, a gente está no meio do grid, o que é muito bom. Com todas as limitações que tem, a A.J. Foyt deixou de ser uma equipe do fundo da fila”, comemora.

PROGRAMAÇÃO
A programação em pista da etapa final da Fórmula Indy em Homestead será aberta na sexta-feira, com sessões de treinos livres de 60 minutos, a partir de 14h30 e de 20h45 – entre as duas, a partir das 17h45, será disputado o treino classificatório definindo o grid. A largada para as 200 voltas da corrida, no sábado, será dada às 20h. Todos os horários são referentes a Brasília, situada uma hora à frente de Miami no fuso horário.

Faltando apenas uma etapa para o término do campeonato da Fórmula Indy, os 30 primeiros colocados são:

1º) Will Power (AUS/Team Penske), 587
2º) Dario Franchitti (ESC/Target Chip Ganassi Racing), 575
3º) Helio Castroneves (BRA/Team Penske), 501
4º) Scott Dixon (NZL/Target Chip Ganassi Racing), 497
5º) Ryan Briscoe (AUS/Team Penske), 450
6º) Ryan Hunter-Reay (EUA/Andretti Autosport), 426
7º) Tony Kanaan (BRA/Andretti Autosport), 418
8º) Dan Wheldon (ING/Panther Racing), 366
9º) Marco Andretti (EUA/Andretti Autosport), 366
10º) Justin Wilson (ING/Dreyer & Reinbold Racing), 349
11º) Danica Patrick (EUA/Andretti Autosport), 327
12º) Alex Tagliani (CAN/FAZZT Race Team), 286
13º) Vitor Meira (BRA/A.J. Foyt Enterprises), 282
14º) Raphael Matos (BRA/De Ferran Luczo Dragon), 277
14º) Mário Moraes (BRA/KV Racing Technology), 277
16º) E.J. Viso (VEN/KV Racing Technology), 250
17º) Alex Lloyd (ING/Dale Coyne Racing), 248
18º) Hideki Mutoh (JAP/Newman-Haas Racing), 238
19º) Simona de Silvestro (SUI/HVM Racing), 230
20º) Graham Rahal (EUA/Newman-Haas Racing), 215
21º) Takuma Sato (JAP/KV Racing Technology), 202
22º) Bertrand Baguette (BEL/Conquest Racing), 198
23º) Milka Duno (VEN/Dale Coyne Racing), 172
24º) Mário Romancini (BRA/Conquest Racing), 149
25º) Mike Conway (ING/Dreyer & Reinbold Racing), 110
26º) Paul Tracy (CAN/Dreyer & Reinbold Racing), 91
27º) Tomas Scheckter (EUA/Conquest Racing), 89
28º) Sarah Fisher (EUA/Sarah Fisher Racing), 80
29º) Ed Carpenter (EUA/Panther Racing), 79
30º) Ana Beatriz (BRA/Dreyer & Reinbold Racing), 45

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *