Kart: Alberto Cattucci é campeão do mundo em Guaratinguetá

Paulista de 19 anos, finalista da Seletiva Petrobras no ano passado, conquistou na tarde do último sábado o quarto título do International Kart GP para o Brasil.

O paulista Alberto Cattucci conquistou na tarde do último sábado (1/3), em Guaratinguetá (SP), o título da quinta edição do International Kart GP, o Campeonato Mundial Biland de Kart. O piloto de 19 anos de idade deu espetáculo na última das quatro corridas da competição e garantiu o tetracampeonato para o país em uma corrida marcada por muitas trocas de posição entre os seis primeiros colocados.

Após 30 voltas, Cattucci garantiu o título com uma vantagem de 1s794 sobre a carioca Jennifer Costa, que ficou com o vice-campeonato. Daniel Ramalho, de São Paulo, foi o terceiro a cruzar a linha de chegada. Entre os estrangeiros, o melhor colocado foi o inglês Steve Bell, pole position na bateria final e quarto na competição.

“Esta é a maior conquista da minha carreira e estou mesmo muito feliz por tudo que vivi neste fim de semana em Guaratinguetá”, declarou Cattucci. “Começamos o campeonato enfrentando dificuldades para conseguir o melhor acerto do kart, e quando o equilíbrio melhorou passei a ter problemas de motor. Mas felizmente deu tudo certo na final e, mesmo tendo uma prova muito difícil e desgastante, consegui ficar com o título”, declarou o campeão.

Finalista da Seletiva Petrobras e sexto colocado no Campeonato Paulista Biland de Kart em 2007, Alberto Cattucci era um dos favoritos ao título da competição, mas não teve vida fácil neste mundial. Largando na segunda posição na prova final, ele assumiu a liderança logo na segunda volta, mas caiu para a quinta posição após receber um toque de Daniel durante uma ultrapassagem.

“O título quase escapou nas primeiras voltas, mas como a corrida era longa procurei não desistir. Tentei não perder tempo nas ultrapassagens, embora não seja fácil ganhar posições nesta pista, e consegui recuperar a liderança quando faltavam apenas nove voltas. Dedico esse título a meu pai, que me apoiou durante toda minha carreira, e a toda a minha família”, encerrou o campeão.

A vice-campeã do Mundial de Biland também comemorou intensamente a conquista, e reconheceu o ritmo desgastante do último dia de competições. No sábado os pilotos disputaram um rápido treino de aquecimento e partiram para duas provas decisivas, que somadas representaram 50 voltas pelo sinuoso e seletivo circuito de Guaratinguetá.

“Estou muito feliz e até um pouco surpresa pelo vice-campeonato. A competição foi muito desgastante e disputada, principalmente porque o desempenho dos karts foi muito equilibrado”, declarou Jennifer Costa.

O inglês Steve Bell, atual vice-campeão inglês na categoria Biland, largou na primeira posição na corrida final, mas teve um início de prova complicado e viu suas chances de chegar ao título terminarem definitivamente na metade da corrida, quando foi tocado pelo paulista André Girotto.

“O evento foi realmente fantástico e muito competitivo. O toque na última corrida acabou com minhas chances de fechar a disputa entre os três primeiros, mas tive um bom kart durante o evento e terminei a disputa satisfeito”, disse Steve.

Ao conquistar o título do V International Kart GP no último sábado, Alberto Cattucci igualou-se a André Sousa, André Nicastro e João Gonçalves, Campeões Mundiais da Biland em 2002, 2003 e 2005. Em 2006 o título do torneio ficou com o alemão Claudio Mack.

O resultado completo do V International Kart GP foi o seguinte:
1) Alberto Cattucci (Brasil), 30 voltas em 25min07s027
2) Jennifer Costa (Brasil), a 1s794
3) Daniel Ramalho (Brasil), a 4s067
4) Steve Bell (Inglaterra), a 4s365
5) Lucas Marotta (Brasil), a 5s360
6) Alex Grigoletto (Brasil), a 12s958
7) André Girotto (Brasil), a 13s623
8) Alexandre Silva (Brasil), a 15s665
9) James Hammond (Inglaterra), a 17s908
10) Anwar Beroual-Smith (Inglaterra), a 18s028
11) David Yamamoto (Irlanda), a 27s456
12) Thomas Buckley (Irlanda), a 32s501
13) Christiano Mattheis (Brasil), a 1 volta
14) Ben Bertolini (Inglaterra), a 9 voltas
15) Luke Williams (Inglaterra), a 13 voltas
16) John Elliffe (Irlanda), a 14 voltas
17) Marcelo Cascão (Brasil), a 18 voltas
18) Eamonn Yamamoto (Irlanda), a 20 voltas
19) Marcio Arcoverde (Brasil), a 22 voltas
20) Danilo Ramalho (Brasil), a 30 voltas
 
Foto: Luigi Di Nizo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *