Kart: Com problemas de motor, Banzoli torce por chuva neste domingo

Com pouca potência, piloto teve dificuldades para se manter na frente no veloz circuito do Kartódromo dos Ingleses, e vai largar em oitavo.

Eduardo Banzoli Filho torce por chuva para que possa brigar pelo título de Campeão Panamericano de Kart. A edição de 2006 do torneio mais importante do continente está sendo disputada neste fim de semana no veloz Kartódromo dos Ingleses, em Florianópolis, e, como já era esperado, está sendo um calvário para quem não trouxe para Santa Catarina um motor potente na bagagem. Aos pilotos que não dispõe de um propulsor de ponta, resta a torcida para que as chuvas previstas para a próxima segunda-feira se antecipem e possam equilibrar a disputa.

“Com a pista seca vai ser difícil acompanhar o pessoal da frente com o motor que eu tenho hoje”, disse Banzoli, que terminou o treino de classificação em oitavo. “Quase metade da pista de Florianópolis é feita de pé embaixo, e nos demais trechos é preciso ter um motor bom de retomada, porque algumas curvas do miolo são muito travadas”, completou o Campeão Brasileiro, que busca seu primeiro título internacional.

De acordo com o site especializado Clima Tempo, a probabilidade de chuva para o domingo é pequena (60%, com apenas 2 mm de chuva), mas se a corrida fosse na segunda-feira a chance da pista estar molhada é maior: 80%, com 10 mm de chuva. “Às vezes a previsão se engana e a chuva cai fora da hora programada. Estou torcendo para isso para que eu possa brigar na frente, caso contrário será difícil de acompanhar os ponteiros”, prevê o piloto.

Neste sábado os pilotos da categoria Pré-Júnior disputarão a prova pré-final, que na prática funciona como um segundo treino de classificação. O resultado dessa corrida não tem efeito para a classificação final do torneio e serve apenas para definir o grid de largada para a corrida decisiva, marcada para domingo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *